Sorriso interrompido: Menina Bia é encontrada sem vida dentro de saco e população se enfurece

A pequena Ana Beatriz Rodrigues, de 6 anos, teve o seu sorriso interrompido. Sem forças para reagir e pedir socorro, a garota foi levada numa noite fria do mês de agosto.

Tudo começou quando Bia estava junto com sua família, que confraternizava com amigos durante a madrugada. Como é de costume para qualquer criança, a menina aproveitou para brincar com seus amigos. Em certo momento, a família sentiu a ausência de Bia e percebeu que ela não estava mais lá.

Nessa hora, começou a saga por sua busca.Os familiares acionaram as autoridades e também receberam a ajuda dos vizinhos, que se esforçaram na procura pela menina. Entretanto, mal sabiam eles que o principal acusado seria uma das pessoas que fingia ajudar e prestar solidariedade. Depois de muito esforço desprendido, a suspeita caiu sobre um dos vizinhos, que já havia respondido por homicídio. Então, depois de insistência por parte da família, as autoridades foram até a casa dele.

O homem em questão, é justamente um dos que ajudava nas buscas para encontrar Bia. Chegando na residência dele, a polícia avistou um saco suspeito em cima do telhado. Não demorou muito para que fosse confirmado: era ela. Além de ter levado a garota até a casa, exames periciais relataram que ela foi abusada antes de ser morta. A população da até então pacata cidade de Maravilha, em Alagoas, se revoltou e tentou invadir a casa do acusado no momento da prisão. Diante da situação, a Polícia Militar precisou se articular com outros agentes para dispersar o povo, que tentava, insistentemente, fazer justiça com as próprias mãos.

Amostras de materiais biológicos foram recolhidas para confirmar a autoria do abuso. As autoridades continuam apurando as pistas do caso, que é um dos mais comoventes dos últimos tempos.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: