Solidariedade é maior entre moradores de favelas, diz pesquisa

Segundo pesquisa feita pela Central Única das Favelas (Cufa) e da Favela Holding, enquanto 49% dos brasileiros fizeram alguma doação durante a pandemia do novo coronavírus, esse índice atingiu 63% nas favelas do país.

Celso Athayde, funddor do Favela Holding, disse que a convivência na favela torna-se essa prestação de serviço muito mais fácil, visto que, muitas vezes, dependem da ajuda dos vizinhos seja para tomar conta dos filhos ou emprestar algum alimento.

“Esse tipo de coisa não acontece, geralmente, em outros territórios. A favela acabou desenvolvendo uma solidariedade muito grande, que não se encontra em nenhum outro território”. disse ele.

A pesquisa foi realizada com cerca de 240 favelas diferentes, 3321 moradores foram entrevistados, de todos os estados do país, entre os dias 19 e 22 deste mês.

Categoria(s): Nacional.

Comente: