Senador que foi descoberto com dinheiro “entre as nádegas” é afastado e Delegado explica como descobriu: “Ele pediu para ir no banheiro”

Nesta quinta-feira, dia 15, o Supremo Tribunal Federal afastou o senador Chico Rodrigues (DEM-RR) por 3 meses. Na noite do último dia 14, uma notícia envolvendo Chico tomou as manchetes de todo o país. Mas o que aconteceu?

Durante uma operação da Polícia Federal, Chico foi pego numa situação, digamos, inusitada. Informações preliminares dão conta de que o senador estava com um considerável volume de dinheiro “entre as nádegas”. Então, tudo começou quando os agentes estavam fazendo buscas e o senador pediu para ir ao banheiro. Contudo, nessa hora um detalhe chamou a atenção do Delegado e foi aí que eles descobriram o dinheiro:

“Efetuamos a busca no cofre situado no quarto do Sr. Pedro Rodrigues, filho do Senador, no qual não foram encontrados valores ou documentos relacionados aos fatos sob investigação. Contudo, nesse momento, o Senador Chico Rodrigues indagou ao Delegado Wedson se poderia ir ao banheiro. O Delegado Wedson respondeu que sim, mas informou que o acompanharia. Nesta hora, o Delegado Wedson percebeu que havia um grande volume, em formato retangular, na parte traseira das vestes do Senador Chico Rodrigues, que utilizava um short azul (tipo pijama) e uma camisa amarela. Considerando o volume e seu formato, o Delegado Wedson suspeitou estar o Senador escondendo valores ou mesmo algum aparelho celular. Ao fazer a busca pessoal no Senador Chico Rodrigues, num primeiro momento, foi encontrado no interior de sua cueca, próximo às suas nádegas, maços de dinheiro que totalizaram a quantia de R$ 15.000,00, conforme descrito no item 3 do Termo de Apreensão em anexo.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Comente: