Procon determina que a Caixa identifique ganhador “esquecido” da Mega da Virada, que só tem 1 dia para resgatar R$162 milhões

Nesta quarta-feira (31) uma história voltou à tona. Trata-se do caso do ganhador da Mega-Sena da Virada, que não resgatou ainda o seu prêmio.

O Procon, instituição responsável por garantir os direitos do consumidor, do Estado de São Paulo, notificou a Caixa Econômica Federal na última segunda-feira (29). Isso porque o ganhador dos R$162,6 milhões da Mega da Virada ainda não resgatou o valor. O Procon determinou que a caixa identifique o ganhador para que ele não perca seu prêmio. Mas como isso seria possível?

Ao procurar informações sobre o caso, o Procon identificou que a aposta ganhadora foi realizada de forma eletrônica, utilizando-se de um cartão de crédito, sendo assim, a identificação é possível a partir destes dados. O Procon ainda pediu que seja criado um sistema para que os apostadores que escolham fazer apostas eletrônicas indiquem um canal para receber os valores, caso ganhem os prêmios. Além disso, se o apostador estiver falecido, os herdeiros ainda têm direito ao prêmio. O diretor do Procon de SP afirmou:

“Se é possível a identificação do apostador, a Caixa não pode comodamente aguardar o decurso do prazo e se apropriar do dinheiro. Caso o apostador esteja morto, o prêmio pertence aos seus herdeiros. E se a aposta foi feita por meio eletrônico, é dever da instituição financeira informar se não é possível identificar o seu autor”.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Comente: