Presidente Tancredo Neves: Homem é morto com mais de 50 tiros após ser “julgado”

Um homem foi encontrado morto em uma área de mata da cidade de Presidente Tancredo Neves, na Bahia, nesta quinta-feira (21). A polícia suspeita que Adenilton, de 38 anos, foi vítima do chamado “tribunal do crime”, organização criminosa que comete assassinatos.

Dias antes do crime, a foto de Adenilton foi compartilhada nas redes sociais em publicação que afirmava que ele era um estuprador. De acordo com a esposa da vítima, essa postagem não passava de fake news, pois o marido não teria feito algo assim.

Adenilton teria sido sequestrado por traficantes da região durante a madrugada desta quarta-feira (20), espancado, torturado e morto com mais de 50 tiros. Depois, o corpo da vítima foi jogado no meio da mata. Além da esposa, Adenilton deixa dois filhos.

Do portal Record

Categoria(s): Destaque.

Comente: