Connect with us

Regional

“Poderia ter sido eu”: Anitta fala sobre mortes em Paraisópolis

...

A cantora Anitta comentou nesta terça-feira (3) a ação policial que resultou em nove jovens mortos, entre eles dois moradores de Carapicuíba, e 12 feridos em um baile funk em Paraisópolis, na zona Sul de São Paulo na madrugada de domingo (1º). “Poderia ter sido eu”, declarou.

“A única coisa que consigo pensar é que, se fosse alguns anos atrás, poderia ter sido eu, minha mãe e meu irmão uma dessas pessoas. Uma das coisas que a gente mais fazia quando eu estava começando a cantar era cantar em baile de favela. Sem palavras”, afirmou Anitta, em vídeos no Instagram.

“O fato de ser uma festa com presença de drogas ilícitas e presença de criminosos não justifica o fato de você sair entrando e atirando. ‘Ah, mas os bandidos estavam em perseguição e correram pra festa porque sabiam que tinha gente que ia ser escudo…’”, continuou a cantora.

“E se tivessem entrado num super festival respeitado? Iam sair entrando atirando? Vários festivais respeitados que têm droga, um monte de gente dentro roubando… E aí, sai entrando atirando? Não sai, né, porque é diferente. Para as pessoas é ‘vagabundo’, ‘música de baixo conteúdo’, ‘gente que não tem o que fazer’. É complicado o preconceito”, emendou Anitta.

(Fonte: Visão Oeste)

Continue Lendo
Publicidade

Acontece Na Bahia - Copyright © 2019.