Paulo Cupertino, que matou o ator Rafael Miguel e os pais dele, tem 90 possíveis esconderijos denunciados

Neste sábado (6), um dos casos mais difíceis do Brasil ganhou novas informações. Trata-se da história envolvendo Paulo Cupertino, que matou o ator Rafael Miguel e os pais dele.

Dessa vez, a polícia de São Paulo catalogou cerca de 90 endereços que seriam possíveis esconderijos de Cupertino. Entre os endereços, existem localidades de outros estados além do de São Paulo. De acordo com o Instituto São Paulo Contra a Violência, chegaram denúncias com endereços nas seguintes cidades:

  • Barueri 1
    Botucatu 1
    Bragança Paulista 1
    Campinas 1
    Diadema 1
    Embu Guaçu 2
    Guarulhos 3
    Ilha Comprida 1
    Itatiba 3
    Jacareí 1
    Jarinu 1
    Jundiaí 1
    Marília 1
    Osasco 1
    Pedreira 2
    Penápolis 1
    Praia Grande 1
    Santa Fé do Sul 1
    Santo André 4
    São Bernardo do Campo 2
    São José dos Campos 1
    São Paulo 37
    São Pedro 1
    São Sebastião 2
    Valparaíso 1
    TOTAL 73 endereços

Além disso, também ocorreram denúncias em outros estados.

Rio de Janeiro (RJ) 2
Serra (ES) 1
Aparecida do Taboado (MS) 1
Araguaiana (MT) 1
São Pedro Ivaí (PR) 1
Santa Rita (MA) 1
Rosário (MA) 1
Cidades não identificadas 5
Puerto Iguazu (Argentina) 1
TOTAL 14 endereços

A polícia visitou as localidades, mas Cupertino não estava mais  no local.

Em junho do ano de 2019, o então empresário Paulo Cupertino atirou contra o jovem ator Rafael Miguel e contra os pais dele. O motivo de tamanha barbaridade? Cupertino não aceitaria o namoro da filha dele, que já tinha 18 anos, e a família do ator teria ido à casa dele justamente para tratar do assunto.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Comente: