Pastor é picado por cobra cascavel durante apresentação em culto

Uma situação inusitada aconteceu durante um culto religioso. O pastor de uma igreja evangélica resolveu manipular uma das serpentes mais peçonhentas do mundo enquanto pregava. Então, em certo momento aconteceu o que todos temiam.

Tudo começou num culto de uma igreja evangélica neopentecostal nos Estados Unidos. Algumas vertentes dessas igrejas têm a tradição de que pastores manipulem serpentes durante o culto. Isso seria justificado por uma passagem bíblica que fala sobre pegar cobras e mesmo assim não ser ferido por elas: “Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão.” Porém, sabe-se que essa é uma interpretação bem literal do que está escrito e mexer com cobras peçonhentas sempre é muito arriscado. Mas o que aconteceu o com pastor?

Durante o culto, o jovem pastor falava fervorosamente. Ele canta, pula, dança e grita com a cobra no pescoço. Em momento nenhum a serpente havia lhe picado. Contudo, em certo momento ele começa a balançar segurar a cobra pendurada e depois traz ela para perto do corpo. Nessa hora, a cobra, que é uma cascavel, pica o pastor na orelha. Entretanto, depois disso o pastor tenta contornar a situação e diz que não está preocupado pois Deus lhe curaria. Em seguida, o rapaz começa a passar mal e os fiéis o socorrem, mas ele insiste em ir para um monte, local onde Deus decidiria seu destino. Todavia, os fiéis negam a ideia e levam o pastor ao hospital. Lá, os médicos correram pela vida do homem. Felizmente, o jovem pastor sobreviveu, mas os médicos alertaram que ele não teria a mesma sorte se a picada tivesse acontecido no pescoço, apenas a alguns centímetros da orelha.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Comente: