Dia da Baiana de Acarajé terá celebração especial em Salvador

Pina Santos trabalha desde cedo ao lado da mãe, também baiana de acarajé. (Foto: Denise Paixão/G1)

Pina Santos trabalha desde cedo ao lado da mãe, também baiana de acarajé. (Foto: Denise Paixão/G1)

Celebrado na quarta-feira, 25 de novembro, o Dia da Baiana de Acarajé terá uma comemoração especial em Salvador. A tradicional missa que será celebrada pelo padre Lázaro pedirá união de todos pelo fim da violência contra a mulher. Em seguida, um cortejo laranja tomará as ruas do Centro Histórico de Salvador. A concentração das baianas será às 9h, no Largo do Pelourinho, e a missa terá início às 10h, e o trajeto seguido das atividades culturais e do almoço será a partir das 11h. As baianas firmaram parceria com a Secretaria de Políticas para as Mulheres da Bahia (SPM-BA), aderindo à Campanha dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher, que será lançada durante a comemoração das baianas. O cortejo ganhará um novo tom, a cor laranja, para fortalecer a campanha.

Categoria(s): Regional.

Morre em Salvador, aos 90 anos, o ex-governador da BA Lomanto Júnior

Morre em Salvador, aos 90 anos, o ex-governador Lomanto Júnior (Foto: Divulgação)

Morre em Salvador, aos 90 anos, o ex-governador Lomanto Júnior  (Foto: Divulgação)

Morreu em Salvador, na noite desta segunda-feira (23), aos 90 anos, Antônio Lomanto Júnior, ex-governador da Bahia. A informação foi confirmada ao G1 por Marco Antônio Lomanto, filho do político. O ex-governador estava internado desde o dia 4 de outubro, no Hospital Português, onde faleceu por insuficiência de múltiplos órgãos. O velório será na terça-feira (24), no Palácio da Aclamação, em Salvador e na quarta (25), na Catedral de Santo Antônio, em Jequié, no sudoeste da Bahia, cidade onde o político nasceu. Já o sepultamento será ás 17h, no Cemitério São João Batista, também em Jequié. Lomanto Júnior nasceu em 1924 e faria aniversário no próximo domingo (29). Ele foi eleito governador da Bahia em 1962, aos 37 anos. Lomanto Júnior começou a carreira política em 1946, como vereador do município de Jequié. Em seguida, tornou-se prefeito da mesma cidade. Exerceu também os mandatos de deputado estadual, deputado federal e senador da República, entre 1979 a 1987. Encerrou a trajetória na política como prefeito de Jequié, no final dos anos 90. O político deixa cinco filhos, dez netos e dez bisnetos. Seguiram o caminho político de Lomanto Júnior, o filho, Leur Lomanto, que exerceu por sete vezes o mandato de deputado federal, e o neto, Leur Lomanto Junior, que é deputado na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba).

Categoria(s): Regional.

Greve dos petroleiros afeta 5% da produção no Brasil

Uma faixa indicando uma greve geral é vista em uma refinaria da Petrobras em São José dos Campos, no Interior de São Paulo. Segundo o sindicato, cerca de 80% da produção na refinaria está paralisada (Foto: Nilton Cardin/Estadão Conteúdo)

Uma faixa indicando uma greve geral é vista em uma refinaria da Petrobras em São José dos Campos, no Interior de São Paulo. Segundo o sindicato, cerca de 80% da produção na refinaria está paralisada (Foto: Nilton Cardin/Estadão Conteúdo)

A Petrobras informou nesta terça-feira (17) que a greve dos petroleiros, iniciada em 29 de outubro, teve um impacto sobre a produção de petróleo da ordem de 100 mil barris por dia desde o dia 9 de novembro – o que equivale, segundo a estatal, a 5% da produção no Brasil. Em comunicado divulgado ao mercado, a empresa aponta que a “redução na produção diária de gás natural foi de cerca de 1,5 milhão de metros cúbicos, ou 3% da disponibilidade ao mercado”. A nota reforça que “não há impactos no abastecimento do mercado”.

Segundo a Petrobras, 10 entre os 17 sindicatos da categoria aprovaram o encerramento da greve em suas regiões, seguindo a recomendação do dia 13 da Federação Única dos Petroleiros (FUP) para terminar a paralisação. A decisão foi divulgada dois dias depois de a Petrobras apresentar uma nova proposta de Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) aos petroleiros. Na segunda-feira (16), o sindicato responsável pela Bacia de Campos, responsável atualmente pela produção de mais de 60% da produção brasileira de petróleo, afirmou que está entre os que decidiram manter a greve.

Categoria(s): Regional.

Conheça o sucesso da Banda ‘’Pegadeira’’

A Banda ‘’Pegadeira’’ foi formada em agosto de 2006 no Bairro de Portão em Lauro de Freitas, Músicos e amigos que faziam parte de uma banda Percussiva de musica afro em um projeto social, com o passar do tempo e aquisição de experiência decidiram criar uma banda direcionada a outra vertente musical, o Pagode Baiano, a banda foi criada e com o intuito de ser um diferencial no cenário musical em sua cidade, a ideia foi crescendo e a banda foi se desenvolvendo e ganhando projeção, suas apresentações são um grande espetáculo de alegria e diversão, com seu grande Carisma e musicalidade a banda vem se expandindo e ganhando destaque na Bahia, tanto nos bairros e casas de show de salvador como no interior do estado, se fazem presente em grandes eventos e festividades populares como Micaretas da Região metropolitana, festas tradicionais nos interiores, Parada Gay e carnaval de Salvador, por onde passam deixam sua marca e vem conquistando o Público e sempre inovando, unidos por um elo criado pela amizade e pela musica a banda mantém grande parte dos músicos desde o inicio da formação da banda, músicos experientes e entrosados, são um referencial dentro e fora dos palcos em virtude de atividades e projetos sociais que desenvolvem, Com o vocalista Flavio Santos desde o começo, no ano de 2015 a Banda Pegadeira decidiu inovar, agregou mais uma peça importante, o “Mano Petty” com a entrada do pequeno a dinâmica entre os vocalistas e banda aumentaram e resultou no seu mais novo Album Intitulado Tributo as Novinhas, que virou febre e vem conquistando grande público de Crianças e Adolescentes, Videoclipes Disponivel em: youtube.com/pegadeiraoficial

Categoria(s): Regional.

Chapada: Incêndios ameaçam fonte de água; morador faz apelo por obra inacabada

Chapada: Incêndios ameaçam fonte de água; morador faz apelo por obra inacabada

Os incêndios que ainda ocorrem na Chapada Diamantina ameaçam também o abastecimento de água na região. Um homem que reside no povoado de Campos de São João relata que cerca de 20 brigadistas estão há 20 dias em campo para tentar preservar a única nascente que abastece a região. “Estamos há 20 dias combatendo os focos de incêndios, metade dos meus amigos estão há 11 dias dormindo no mato para evitar que o fogo avance para o lado do morro do pai Inácio […] lá está a única nascente que abastece nosso povoado com água, pouca, não tratada, mas a única”, conta. Segundo Antônio Vitor, a Cerb [Companhia de Engenharia e Recursos Hídricos da Bahia] começou a perfurar um poço artesiano em 2008, mas a obra foi interrompida. “Hoje temos um poço lacrado, com água e ao mesmo tempo temos problemas com a quantidade e o pior, a qualidade da água”, conta. Antônio Vitor diz ainda que um médico cubano que atende a localidade disse que 100% dos casos de vômitos e diarreia são devido à água contaminada. Segundo informações do Parque Nacional da Chapada, cerca de 30 mil hectares já foram consumidos pelo fogo, provocado na maioria dos casos de forma criminosa. Cerca de 120 homens entre brigadistas profissionais e voluntários trabalham na contenção das chamas.

Categoria(s): Regional.

Homem é preso após estuprar e assassinar adolescente no município de Ruy Barbosa

 

Neste domingo, 22 de novembro de 2015, por volta das 06 horas da manhã, a Delegacia de Polícia de Ruy Barbosa tomou conhecimento que havia o corpo de uma adolescente sem vida na região do Calindé II, na localidade conhecida como Chapéu do Gato.

Imediatamente foi acionado o DPT, e com sua chegada uma equipe da Delegacia se deslocou ao local, constatando o fato, identificando o corpo da menor adolescente Brenda Barbosa Miranda, a qual se encontrava com as vestes na altura do joelho, sugerindo ter mantido relações sexuais.

Por volta das 11 horas, a Polícia Civil de Macajuba tomou conhecimento de um homem suspeito de estar portando arma, oportunidade em que o IPC Geraldo, acompanhado da EPC Erondina, os quais informaram ao DPC Almir Góes, Delegado de Macajuba, que solicitou que fizessem um levantamento do local e do suspeito.

Os policiais civis contataram o DPC Marcelo Cavalcanti, informando toda a situação, o qual se deslocou para o povoado São José, e juntos localizaram e prenderam em Flagrante Delito o autor Aelson Nunes Laranjeiras, vulgo Nenenzinho ou Nem, o qual estava no momento da ação portando um revolver calibre 38, marca Taurus, numeração raspada e um revolver, calibre 32, marca Taurus, com numeração evidente.

O autor no momento de sua prisão confessou ter assassinado BRENDA pelo fato desta estar devendo dinheiro de drogas referente à maconha que ele trazia para Ruy Barbosa, para que a menor vendesse, alegando que esta estaria lhe devendo R$400,00 (quatrocentos reais) de droga.

De acordo com informações da polícia, Nezinho da Quadra Q, de Baixa Grande, vem causando terror na cidade.

Da redação do Blog Agmar Rios, com informações do Delegado Marcelo Cavalcanti

Categoria(s): Regional.

Pelo segundo dia consecutivo Escola Adenias em Baixa Grande é cenário de brigas entre estudantes

 

Em pleno século XXI a maior Escola Municipal de Baixa Grande não possuem direção há mais de 2 anos, até o mês passado duas vice-diretoras coordenavam os trabalhos, em outubro uma foi exonerada sem colocar outra no lugar, os estudantes ficam aos cuidado do educadores e até mesmo dos colegas, na tarde de ontem duas estudantes se enfrentaram na rua da escola, hoje a cena hoje a cena se repetiram, duas estudantes se enfrentaram no pátio da escola tendo que serem separada por duas serventes da escola.

Até agosta uma professora que não trabalha em Baixa Grande se apresentava como diretora sem nenhum decreto e recebia um montante mensal de R$ 3.715,74 após divulgação desses salários o mesmo foi reduzido em setembro para R$ 2.199,11.
Uma turma do Educação de Jovens e Adultos (EJA), estuda a noite na escola e reclamam da falta de cuidado, pois nem porteiro se encontra a noite, cabendo aos estudante fecharem o portão e ficam na escola sem ninguém observando o que passa fora da sala de aula.

Fonte: Site Bacia do Jacuipe.

Categoria(s): Regional.

Operação resgata 15 homens em trabalho escravo na Bahia

Entre Rios: Operação resgata 15 homens em trabalho escravo

Quinze pessoas foram encontradas em situações de trabalho escravo em uma fazenda de Entre Rios, agreste do estado, nesta quinta-feira (19). Segundo relato dos trabalhadores à operação liderada pelo Ministério Público do Trabalho, eles começavam a jornada diária às 3h da manhã e não tinham hora para terminar. Eram obrigados a carregar baldes de fezes de 70 quilos na cabeça e recebiam R$ 6 por tonelada de excrementos, os quais não eram suficientes para pagar o acordo com a empresa e sempre acabavam “devendo” aos patrões.  No local, os agentes ainda encontraram alojamento inadequado, banheiro coletivo sem descarga, mosquitos, panelas sujas, entre outras irregularidades. Eles teriam que ficar confinados durante quatro meses para executar as tarefas. Após o flagrante, os trabalhadores resgatados e um encarregado da fazenda foram conduzidos à Polícia Federal em Salvador. A ação foi feita em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Ministério do Trabalho e Previdência Social – MTPS, e secretarias do governo do estado.

Categoria(s): Regional.

Pela primeira vez, maioria dos jovens negros está no ensino médio

Pela primeira vez, maioria dos jovens negros está no ensino médio

Uma pesquisa do Instituto Unibanco indica que 51% dos jovens negros estão no ensino médio no Brasil. De acordo com a Folha de S. Paulo, esta é a primeira vez que a maioria das pessoas dessa categoria atinge tamanha escolaridade. O autor do estudo considerou como negros todas as pessoas que declararam como preta ou parda a cor da sua pele. Pelos números da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) do ano passado, 51% da população entre 15 e 17 anos deste grupo estava no ensino médio. Em 2001 o índice era de 25%. Segundo o instituto, o principal fator para esse avanço foi a redução na reprovação e da evasão de negros no ensino fundamental. O número de 51% já havia sido alcançado pelos jovens brancos em 2001 e atualmente está em 65%. Por outro lado, o desempenho dos estudantes segue abaixo do esperado. O levantamento do Instituto Unibanco também aponta que as médias em português e matemática pioraram entre 1995 e 2013. Em língua portuguesa, as notas caíram de 292 para 262 entre brancos e de 278 para 254 entre negros. A média considerada ideal é de 300. “As médias não são o que desejamos. Mas, por outro lado, os negros têm tido mais acesso ao ensino superior, com as cotas, Prouni e Fies”, avaliou o ministro da Educação, Aloísio Mercadante, em entrevista à Folha de S. Paulo.

Categoria(s): Regional.

Cabelos das mulheres negras geram renda

A cabeleleira Gerusa é responsável pela cabeça de alguns famosos - Foto: Mila Cordeiro | Ag. A TARDE

A cabeleleira Gerusa é responsável pela cabeça de alguns famosos - Foto: Mila Cordeiro | Ag. A TARDE

“Quem disse que cabelo não sente? Quem disse que cabelo não gosta de pente?”. Os versos da música de Arnaldo Antunes e Jorge Ben Jor, imortalizada na voz de Gal Costa, falam da relação complicada que as pessoas comumente têm com suas madeixas. O conflito fica ainda mais acentuado quando se trata das mulheres negras. Como tiveram os fios naturais por muito tempo considerados ‘feios’, taxados de ‘ ruins’ ou de ‘bombril’, tudo era feito para fugir desse padrão. E foi aí que os cabelos crespos se tornaram uma fonte lucrativa de renda. Tanto que foi a invenção de um produto para alisar os cabelos das negras, nos Estados Unidos, que transformou Sarah Breedlove, mais tarde conhecida como Madame CJ Walker, na primeira afrodescendente milionária das Américas. Com o passar do tempo, outras técnicas surgiram para ‘tratar’ dos cabelos das mulheres negras, mas a maioria tinha como principio ‘alisar’, ‘domar’ ou diminuir o volume. Os tempos são outros, e assumir o ‘black power’, além de estar na moda, é considerado revolucionário. Mas cuidar dos cabelos das pretas, e também dos pretos, continua sendo algo que faz gerar trabalho e renda. Especialista em cabelo crespo há 27 anos, Gerusa Menezzes, 42, faz arte na cabeça dos clientes. A cabeleleira, que também já foi Deusa do Ébano do Ilê Aiyê, faz tranças, alongamentos, cortes, dreads looks (rasta) de várias personalidades em seu salão, na Ladeira do Curuzu, próximo à sede do Ilê.

Categoria(s): Regional.