Novo tremor de terra atinge o Recôncavo Baiano; Amargosa tem casas e igreja rachadas

Na manhã desta segunda-feira (31), um novo terremoto, com magnitude de 3,5, foi registrado em algumas cidades do interior da Bahia. Os tremores foram sentidos principalmente em Amargosa, Brejões e Elísio Medrado.

De acordo com informações dos moradores, rachadurs em pelo menos seis casas e na igreja da cidade foi criada. Além disso, os impactos foram sentidos principalmente na zona rural do município.

“Ontem [domingo, 30] pela manhã, nós recebemos através dos nossos números de contato, informações de que houve danos no distrito aqui de Corta Mão, na zona rural. Nós dirigimos nossa equipe para lá, a equipe de infraestrutura, e quando o pessoal chegou lá constatou seis casas com rachaduras e algumas fissuras, e também a igreja com algumas fissuras, mas nada muito impactante. Segundo o relatório já apresentado pelo engenheiro, não há nenhum risco de desabamento até o momento. Também não há, até o momento, notícias de vítimas, graças a Deus”, disse um dos moradores.

Por fim, os sismólogos da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) afirmaram que os tremores ocorrem porque o Recôncavo Baiano está em cima de uma região sísmica.

Categoria(s): Regional.

Comente: