Nova variante do coronavírus encontrada na África do Sul é mais perigosa que a britânica, afirma Ministro do Reino Unido

O ministro da saúde do Reino Unido, Matt Hancock, alerta sobre a nova variante do coronavírus. De acordo com ele, a mutação encontrada na África do Sul é ainda mais perigosa do que a identificada na Inglaterra.  A informação foi divulgada na segunda-feira (5) em entrevista à rádio BBC.

“Estou preocupado com a variante sul-africana e é por isso que tomamos as medidas de restringir todos os voos da África do Sul”, disse Hancock. “Este é um problema muito significativo. É ainda mais problemático do que a nova variante do Reino Unido”, completou.

De acordo com o jornalista da emissora ITV, Robert Peston: “de acordo com um dos consultores científicos do governo, o motivo da grande preocupação de Matt Hancock sobre a variante sul-africana da Covid-19 é que eles não estão tão confiantes de que as vacinas serão eficazes contra ela quanto são para a variante do Reino Unido”.

O CEO da BioNTech, farmacêutica que produz a vacina conhecida como a “vacina de Oxford” Ugur Sahin e John Bell, professor de medicina da Universidade de Oxford, afirmaram que as vacinas estão sendo testadas contra as novas cepas do vírus. Além disso, eles afirmam que se forem necessárias mudanças, elas podem ser feitas em cerca de seis semanas.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque.

Comente: