Neguinho da Beija-flor pretende deixar o país depois da morte do neto: “Não vou criar minha filha aqui, não vou mesmo”

Um dos sambistas mais conhecidos do Brasil fez um forte desabafo nessa semana. Após perder o neto no último domingo, dia 18, Neguinho da Beija-Flor disse que tem vontade de deixar o país. Em entrevista com o portal Globo, o artista disse que a família ficou arrasada com o episódio e que, infelizmente, “negros já nascem suspeitos”. Mas o que aconteceu?

O neto de Neguinho da Beija-Flor, Gabriel Ribeiro Marcondes tinha 20 anos e estava num baile funk. O evento era no Morro da Bacia, na cidade de Nova Iguaçu. Contudo, em certo momento a festa foi interrompida por conta de um confronto entre policiais e bandidos. Informações preliminares dão conta de que os agentes tentavam impedir a realização do evento por conta da presença dos criminosos. Então, durante esse confronto Gabriel foi atingido por uma bala perdida e não resistiu. Diante disso, Neguinho trouxe à tona um desejo antigo de morar fora do país:

“Há muito tempo. Só não aconteceu com a pandemia. Sem show, tive que gastar tudo, só saiu. O suporte que eu tinha, com essa finalidade, foi tudo. Não vou criar minha filha aqui depois do que aconteceu com o Gabriel. Não vou mesmo[…]Meu neto jogava uma bolinha. Ele não quis, se não, arrumava um jeito de levar para a Europa, jogar uma bola. Olha aí o destino dele. Não era envolvido em nada, mas eu vou ter que provar que não era envolvido com nada. Só se ouve a parte que interessa. E tem gente que fala ‘graça a Deus, menos um!’ isso porque não foi o filho dele, não viu o ato.” Desabafou o sambista.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Comente: