Mulher enterrada viva é mãe de quatro filhos

A mulher enterrada viva por criminosos, em Visconde do Rio Branco, em Minas Gerais, é mãe de quatro filhos. Segundo apurou o G1, ela tem ensino fundamental incompleto e reside no Bairro Alto do Boa Vista, área periférica da cidade.

As investigações apontam que a mulher estava em casa com o marido, quando criminosos chegaram na residência na segunda-feira (27), procurando por armas e drogas. O companheiro fugiu, e ela acabou sendo agredida. Ainda não ficou claro se os bandidos enterram a mulher sabendo que ela estava viva, ou acreditaram que ela teria falecido e tentaram “ocultar o corpo”.

A jovem de 36 anos, acabou sendo salva pelo coveiro, ao chegar no cemitério ele notou algo estranho em uma das gavetas: tijolos, cimento fresco e machas de sangue. A Polícia Militar foi acionada e a sepultura foi aberta, encontrando a mulher enterrada viva.

 

Ela foi socorrida pelo SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, sendo levada a um hospital onde foi internada.

Acredita-se que ela tenha ficando na gaveta por cerca de dez horas, as agressões provocaram traumatismo craniano, cortes no couro cabeludo, lesão grave no dedo da mão e fratura nos braços.

A vítima segue internada na Unidade de Terapia Intensiva – UTI, e segue melhorando, o hospital não divulgou a previsão de alta médica.

A Polícia Civil segue investigando o caso.