Search
Close this search box.

Mulher é vítima de feminicídio em Salvador, sendo alvejada a tiros em sua residência

Mulher é vítima de feminicídio em Salvador, sendo alvejada a tiros em sua residência

Uma enfermeira de 37 anos, identificada como Renata Freitas, foi tragicamente morta a tiros em sua residência, localizada no bairro de Mussurunga, em Salvador, na noite de domingo (19).

O autor do crime foi apontado como sendo seu companheiro, André Luís Sena de Oliveira, de 44 anos, que tirou a própria vida logo após o ocorrido.

O crime foi percebido pelos vizinhos de Renata, que ouviram disparos e prontamente se dirigiram à sua casa na Rua Professor Plínio Garcez de Senna. A enfermeira foi encontrada baleada, e apesar da intervenção do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), não resistiu aos ferimentos e faleceu antes de ser conduzida ao hospital. Familiares relatam que ela teria sido atingida por três tiros.

André Luís Sena de Oliveira, suspeito do crime, foi encontrado morto a tiros dentro de um carro, na Rua Desembargador Wilde de Lima, no mesmo bairro. A Polícia Civil considera o caso como suicídio. O motivo que levou André Luís a cometer o feminicídio ainda não foi esclarecido.

O corpo de Renata Freitas foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), e as autoridades estão tratando o caso como mais uma trágica ocorrência de feminicídio.

Fonte: G1

Foto: Redes sociais