Mulher é considerada curada da AIDS sem ter feito nenhum tratamento médico

Na última quarta-feira (26), a primeira pessoa curada do HIV sem ter feito nenhum tratamento médico foi confirmado.

A americana Loreen Willenberg, 66, foi infectada em 1992, e está há anos sem resultados positivos para o vírus.

De acordo com pesquisa da Revista Nature, a médica Xu Yu, do Ragon Institute, em Boston, conta que foram analisadas 1,5 bilhão de células do corpo de Loreen, inclusive do intestino e reto.

Apesar da existência de várias técnicas sofisticadas para encontrar o HIV, nenhum traço foi achado.

O mesmo estudo também pesquisou um grupo de 63 pessoas que controlaram a infecção sem usar drogas – no caso desses participantes, o organismo conseguiu absorver o HIV de maneira que ele não se reproduz. Os resultados da pesquisa sugerem que essas pessoas conseguiram ter uma “cura funcional”, ou seja, o vírus está presente, mas inativo.

Desde que o estudo foi finalizado, o time da doutora Yu diz ter encontrado mais duas pessoas que podem ser consideradas curadas da doença. Ainda faltam mais testes para confirmar os casos.

 

 

Categoria(s): Nacional.

Comente: