Mulher aproveita momento de distração da família e mata bebê recém-nascido: “Rejeitada pelo pai do menino”

Na tarde dessa segunda-feira (30) uma história que causou revolta veio à tona. Uma mulher acabou presa depois de tirar a vida de um bebê recém-nascido. Mas afinal, o que aconteceu?

A reunião da família para comemorar um novo integrante é sempre um momento de felicidade e esperança. Contudo, nesse caso o bebê não ficou ao lado dos familiares por muito tempo. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia, uma mulher, de 41 anos, foi presa em flagrante pelos agentes da polícia. Tudo aconteceu no último fim de semana, na zona rural da cidade de Nova Viçosa, na Bahia. Ela acabou detida em flagrante por ser acusada de matar um bebê recém-nascido porque foi rejeitada pelo homem que é o pai do garoto. Então, para tirar a vida da criança, a mulher resolveu se aproveitar de um momento de distração da família.

Rejeição

Antes do episódio, a mulher teria sugerido ao pai do menino para passarem a noite juntos. Entretanto, ele não aceitou pois iria confraternizar a chegada do filho com os familiares. Essa não seria a primeira vez que a mulher acabou rejeitada por ele, mas ela insistia. Então, descontente com a rejeição, ela aproveitou que todos estavam festejando na frente de casa. Nesse momento,  a mulher teria pegado o bebê, que estava dormindo no sofá, e saído de lá com ele. Depois de um tempo, as pessoas desconfiaram da ausência da mulher e do bebê e foram procurá-los. Nessa hora, a mãe do bebê encontrou a tampa de um reservatório de água jogada no chão e, para a sua tristeza, o bebê também estava lá. Mesmo com os esforços da equipe médica, o bebê não resistiu pois foi afogado. A família acionou a polícia, que encontrou a acusada em fuga e conseguiu capturara-la. Além disso, por pouco a mulher não foi linchada pela população. Agora, a mulher aguarda julgamento, mas como foi presa em flagrante, deve acabar na cadeia.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Nacional.

Comente: