Moacyr Franco é assaltado, agredido e desabafa aos 83 anos: “Apenhei tanto”

Em um desabafo, o cantor e apresentador Moacyr Franco falou sobre um difícil dia de sua vida. Sem dúvidas, essa foi uma experiência pela qual ninguém gostaria de passar. Então, aos 83 anos, o artista afirmou que foi assaltado e espancado por criminosos:

“Outro dia fiquei na mão de um assaltante. Nossa, apanhei tanto, escutei tanto desaforo. Ele me deu um chute… Não há nada mais covarde do que isso, né? Você pode escolher: reagir ou morrer. Ou as duas coisas. É muito difícil se acostumar com os tapas da vida. Acho que não dá para acostumar”

Além disso, ele também falou sobre o futuro, mas não pareceu estar com boas expectativas:
“Meu futuro é horroroso. Não consigo pensar em coisa boa, entendeu? Mas que seja bem-vindo o futuro. Tomara que ele venha todo dia. Todo dia tem futuro. A geladeira está lotada de futuro fresquinho. Tomara que venha. Agora, do passado não dá para fugir. Eu, quando pintam na memória umas lembranças ruins, eu tento esconder.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: