Ministro do STF se manifesta sobre caso da vítima humilhada por advogado: “Cenas estarrecedoras”

A história da jovem Mariana Ferrer não para de repercutir. Após denunciar que foi dopada e abusada durante uma festa há 2 anos, Mari, que hoje tem 23 anos, teve que lidar com um audiência problemática. Além do réu ter sido absolvido das acusações com uma sentença de “estupro culposo”, decisão inédita na história jurídica do Brasil, ela foi humilhada pelo advogado de defesa. As cenas dessa audiência estão sendo amplamente compartilhadas nas redes depois que foram publicadas pelo The Intercept Brasil. A forma como o advogado de defesa tratou Mariana é humilhante e não houve nenhuma intervenção que o interrompesse por parte dos outros presentes. Então, tomando conhecimento dessa situação, o ministro do STF Gilmar Mendes demonstrou total reprovação ao que aconteceu:

“As cenas da audiência de Mariana Ferrer são estarrecedoras. O sistema de Justiça deve ser instrumento de acolhimento, jamais de tortura e humilhação. Os órgãos de correição devem apurar a responsabilidade dos agentes envolvidos, inclusive daqueles que se omitiram.” Escreveu Gilmar.

Entenda o caso

Durante a audiência que inocentou o empresário acusado no caso, o advogado Cláudio Gastão da Rosa Filho mostrou fotos antigas das redes sociais de Mariana, tentando criar alguma correlação com o episódio. Contudo, as fotos não tinham qualquer vínculo com o que aconteceu, pois foram tiradas antes do dia do abuso. Além disso, ele apresentou essas imagens como se fossem fotos sensuais, mesmo Mariana estando vestida nelas. Após o advogado mostrar uma dessas fotos, Mariana o interrompeu:

“Muito bonita por sinal o senhor disse, né? Cometendo assédio moral contra mim. O senhor tem idade para ser meu pai, tem que se ater aos fatos.”

Então, depois disso Cláudio responde e começa a agir com uma postura incisiva e sem nenhum decoro:

“[Parte inaudível] uma filha do teu nível, Graças a Deus! E também peço a Deus que meu filho não encontre uma mulher que nem você. E não dá pra dar teu showzinho. Teu showzinho você vai dar lá no Instagram depois pra ganhar mais seguidores. Tu vive disso, Mariana. Vamos ser sinceros, fala a verdade. Tu trabalhava num café, perdeu o emprego, estava com aluguel atrasado há 7 meses, era uma desconhecida. Vive disso. Isso é seu ganha-pão né, Mariana? A desgraça dos outros?” Em seguida, ele continua a mostrar fotos de Mariana tiradas antes do caso e sem qualquer correlação, usando a mesma linha argumentativa até que a jovem começa a chorar e Cláudio diz:  “Não adianta vir com esse teu choro dissimulado, falso, e com essas lágrimas de crocodilo.”

Agora, na noite desta terça (3), o Conselho Nacional de Justiça e outras autoridades já se pronunciaram sobre o caso e uma investigação deve começar em breve.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: