Médico é morto na frente da esposa e filhas pequenas: “Não há suspeitos”

Um médico de 34 anos foi morto na noite do último domingo (27) na frente da esposa e das filhas. Guilherme de Oliveira Lahn foi baleado por volta das 23h, na Avenida General Mallet, em Caxias do Sul, na Serra.

À polícia, a esposa do médico contou que foi com o marido a casa da sogra buscar as filhas, que estavam lá enquanto o casal assistia a um show nos pavilhões da Festa da Uva. Quando Guilherme se dirigia ao veículo, depois da esposa e filhas, um homem sacou um revolver e atirou duas vezes pra cima, seguido de dois tiros na direção de Lahn. Logo em seguida, o homem fugiu.

Segundo a delegada responsável, Milena Shafer, não há suspeitos. “Não há suspeitos. A vítima era médico. Ninguém foi preso. Sem indícios de motivação por enquanto”. A vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu.

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Categoria(s): Destaque.

Comente: