Médica é presa em Barueri por suspeita de ocultar feto em marmita

Médica é presa em Barueri por suspeita de ocultar feto em marmita em casa

ma médica-cirurgiã foi presa em Barueri, na Grande São Paulo, nesta quinta-feira (2), por suspeita de ocultar o cadáver de um feto em sua residência por cerca de 4 meses. O corpo foi encontrado enrolado em panos dentro de uma marmita que estava dentro de um armário no quarto da profissional.

Segundo a polícia, o feto seria de um aborto sofrido pela própria médica, que alega ter sido espontâneo. De acordo com o delegado do caso, esta não seria a primeira vez que a médica teria passado por um aborto.

A babá da filha de 4 anos da médica chamou a polícia após sentir um cheiro forte vindo do quarto da suspeita. A profissional foi conduzida à Delegacia de Barueri, onde o caso foi registrado e as investigações prosseguem.

A suspeita teria dito ao delegado do caso que não sabia que o caso deveria ser comunicado às autoridades. A mulher foi levada para a audiência de custódia e permanece à disposição da Justiça.