Maju Coutinho faz homenagem ao ator de Pantera Negra, que morreu nessa madrugada: “Wakanda Forever”

Diante da repentina morte do jovem ator Chadwick Boseman na última madrugada, a apresentadora Maria Júlia Coutinho, a Maju, prestou uma homenagem muito especial. O ator interpretou o herói Pantera Negra em diversos filmes, tornando o personagem um dos mais adorados pelos fãs. Então, Maju protagonizou um gesto icônico em cadeia nacional.

Durante a apresentação do Jornal Hoje, Maju cruzou os braços na altura do peito e repetiu a celebre frase: “Wakanda Forever.” Essa frase é um dos maiores símbolos do reino de Wakanda, que é uma nação africana governada pelo Pantera Negra nos filmes. Contudo, além de ser um cumprimento, o gesto se tornou um lema de força e mutualidade para a luta por representatividade e justiça racial. No filme em que foi protagonista, Chadwick foi aclamado pelos fãs e pela crítica por sua maneira singular de dar vida e personaliade ao Pantera.

A precoce morte

Muita gente não esperava que a notícia da morte do jovem ator fosse noticiada no próprio perfil oficial dele. O assessor explicou o que aconteceu:

“É com tristeza incomensurável que confirmamos o falecimento de Chadwick Boseman. ⁣ Chadwick foi diagnosticado com câncer de cólon em estágio 3 em 2016 e vinha lutando contra ele nos últimos 4 anos, enquanto a doença progredia para o estágio 4. ⁣Um verdadeiro lutador, Chadwick perseverou diante disso tudo e trouxe até vocês muitos dos filmes que tanto amam.[…]Foi uma honra para sua carreira dar vida ao rei T’Challa, em Pantera Negra. Sua família agradece aos fãs pelo amor e pelas orações.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: