Mãe suspeita de fraturar costelas do filho por ‘bagunça’ é atacada ao ser presa no litoral de São Paulo:

Mulher suspeita de agredir o filho é presa no litoral de São Paulo — Foto: Reprodução/TV Tribuna

A mulher suspeita de agredir brutalmente e fraturar oito costelas do próprio filho foi hostilizada por moradores de São Vicente, no litoral de São Paulo, ao ser presa no município. Imagens captadas pela TV Tribuna, emissora afiliada à Rede Globo, mostram ela sendo conduzida ao 2º Distrito Policial da cidade enquanto era atacada verbalmente por moradores da região (veja o vídeo acima). O g1 tentou contato com a defesa da mulher, mas ela ainda não havia sido constituída até a publicação da reportagem.

A suspeita foi detida em Itanhaém, também no litoral paulista, escondida dentro de um barraco abandonado. Segundo Boletim de Ocorrência registrado pela Polícia Civil e obtido pelo g1 nesta quinta-feira (6), a mulher teria dito que “já sabia que era procurada” e, na sequência, se entregou voluntariamente.

Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, a mulher foi encaminhada à Cadeia Pública Feminina de São Vicente (SP). Conforme reportado anteriormente, o padrasto do menino, que também estaria envolvido nas agressões, foi encontrado morto e com marcas de tiros pelo corpo. A suspeita da polícia é que ele tenha sido encontrado por criminosos que decidiram se vingar por conta das agressões.

Preocupados com a integridade física da suspeita, os policiais que a levaram até a delegacia precisaram intervir para evitar que ela fosse agredida pelos moradores. Em determinado momento, um dos agentes precisou enquadrar algumas pessoas que se aglomeraram no local e passaram a ameaçar agredir a mãe da criança, que foi levada para uma cela isolada.

G1