Mãe de jovem estudante de medicina que morreu desabafa: “Só me resta chorar”

Diante da morte da filha de 22 anos, Silvada Lara desabafou. Além de perder a filha que estava na metade do curso de medicina, a mãe ainda precisa lidar com o tempo para o translado do corpo, já que a jovem estudava no exterior.

A estudante Karolina Fernandez estudava medicina na Universidade de Buenos Aires (UBA), na Argentina. Há algumas semanas, Karolina estava feliz por tirar boas notas num teste. Contudo, ela mal sabia que perderia a vida apenas alguns momentos depois.

Ao receber a notícia das boas notas, a jovem encontrou com amigos para comemorar. Em dado momento, ela precisou chamar o elevador do prédio onde estava. Depois disso, a jovem não teria notado que o elevador ainda não estava no andar, continuou caminhando e acabou caindo do 13º andar. Então, diante do ocorrido, o inevitável aconteceu. Além disso, a família espera o corpo dela chegar ao Brasil, sendo que ele só foi liberado no último dia 24, 20 dias depois do ocorrido. Para o portal Mais Goías, do estado onde a família de Karolina vive, Silvana desabafou: “Ela sentia muita falta do irmãozinho, o Pedro, de 7 anos…Só me resta chorar”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: