Lajes cedem e dez pessoas são lançados em sepultura durante funeral em Taguatinga (DF)

Uma tragédia aconteceu durante um sepultamento no Cemitério Campo da Esperança de Taguatinga (DF) na tarde deste sábado (20). No momento em que ocorria o enterro de uma senhora de 73 anos, dez pessoas foram precipitadas em uma cova após o desmoronamento da laje que separava duas sepulturas adjacentes.

Conforme informado pelo Corpo de Bombeiros do Distrito Federal (CBMDF), acionado para intervir no incidente, cinco indivíduos sofreram ferimentos, incluindo dois funcionários do local.

De acordo com relatos do CBMDF, uma das vítimas, uma mulher de 52 anos que acompanhava o sepultamento, desmaiou após a queda e foi conduzida a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) devido a uma ‘crise nervosa’ e escoriações no corpo.

Além dela, uma jovem de 19 anos, que apresentava sinais de crise nervosa e escoriações, e um homem de 32 anos, que perdeu a consciência após a queda e, durante o resgate, queixou-se de dores nas costas, também ficaram feridos. Após prestar assistência às vítimas, que deixaram o cemitério ‘conscientes e orientadas’, a área foi isolada para reparos.

CAUSA DO INCIDENTE

A concessionária responsável pelo cemitério informou que o desmoronamento se deu devido ao ‘afundamento do solo que cobre algumas sepulturas no cemitério de Taguatinga, ocasionado pelo excesso de peso durante um sepultamento’.

Além de oferecer suporte às vítimas, a empresa disponibilizou outro jazigo à família da mulher que seria sepultada no sábado (20), mas que optou por manter a sepultura original, realizando o enterro neste domingo (21).

Da redação do Acontece na Bahia

Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros do Distrito Federal