Jovem entregador que foi humilhado ganha novo emprego em São Paulo

Após a grande repercussão do caso, o jovem motoboy que foi humilhado recebeu gratas surpresas. Além de ganhar uma moto e muitos apoiadores nas redes sociais, Matheus Pires Barbosa, de 19 anos, agora terá uma nova oportunidade em sua vida. O jovem recebeu uma proposta de emprego numa agência de publicidade.

Depois de ser humilhado por um cliente num condomínio de luxo a história viralizou. Contudo, Matheus passou por uma verdadeira guinada na sua vida que ele nem sequer imaginava. Primeiro, ganhou uma motocicleta nova pois a dele estava quebrada e ele usava a do pai para trabalhar. Depois, uma campanha de arrecadação que lhe doou cerca de R$150 Mil. Mas ainda havia mais por vir.

Muito interessado em publicidade, Matheus tentou entrar no ramo e estudou sobre edição de vídeos e divulgações. Entretanto, o negócio não foi para frente e ele precisou continuar com o trabalho de entregador. Porém, agora ele pôde reviver o sonho: Matheus recebeu o convite para trabalhar na agência Avellar, em São Paulo capital. E claro, ele aceitou.

O dono da agência, Raphael Avellar, já tinha conversado com Matheus anteriormente, pois o jovem sempre lhe pedia dicas para desenvolver o próprio negócio. Dessa vez, os dois se viram pessoalmente e confirmaram a contratação.

Por fim, a história de Matheus rendeu uma série de debates que visam um melhor reconhecimento do trabalho dos entregadores e também trouxe à tona a importância de não ser apenas contra o racismo, mas também ser anti-racista.  Sem dúvidas, esse episódio é um dos melhores exemplos do velho ditado: Há males que vêm para o bem.

Da Redação do Acontece na Bahia.

 

Categoria(s): Nacional.

Comente: