Janones cobra presidente da câmara sobre votação do valor do Auxílio Emergencial: “Tá tirando sarro do povo brasileiro?”

Nessa semana, um novo capítulo se desenrolou na câmara. O deputado federal André Janones pressionou o presidente da casa em exercício sobre a tão aguardada votação do valor do Auxílio Emergencial. Em tom de cobrança, Janones disse:

“Mais uma vez me dirijo a Vossa Excelência. Fizemos um apelo para que a MP que derrubou o valor do Auxílio Emergencial de R$600 para R$300 fosse pautada. Vossa Excelência disse que pautaria, mas logo em seguida deu uma gargalhada e agente ficou sem entender se era um compromisso sério ou se era uma pegadinha, se estava tirando sarro.”

Depois disso, o parlamentar também falou que o tema é de grande interesse, pois muitos colegas querem opinar sobre a decisão. A pressão resultou numa resposta incisiva do presidente. Então, depois de ouvir Janones, ele afirmou que o deputado estava fazendo um teatro e colocando pressão sobre ele nas redes. Além disso, o presidente se contradisse, pois primeiro afirmou que não havia prometido pautar a MP do Auxílio e depois reconheceu que realmente disse que pautaria. Nesse contexto conturbado, o presidente explicou que a câmara votará a medida provisória em questão num “momento oportuno”. Mas, sabe-se que a cada semana que se passa até a conclusão de todo esse tramite, menor é a chance de que essa votação influencie no valor das parcelas do benefício .

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: