‘Já apanhei muito e tive que cantar com mãozada na cara’, diz Solange Almeida ao falar sobre violência doméstica e se identificar com o caso DJ Ivis

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quarta-feira (14). A cantora Solange Almeida usou o seu Instagram para se manifestar sobre o caso DJ Ivis, que espancou a esposa Pamella Holanda e está sendo investigado pela polícia. Solange resolveu falar sobre o episódio após a divulgação de imagens de agressão registradas por câmeras de segurança da casa do compositor.

Solange afirmou no seu perfil que se sentiu incomodada com a quantidade de mulheres que não apoiaram a decisão de Pamella sobre divulgar as imagens na internet e afirmou que este tipo de atitude faz com que os casos de feminicídio no país cresçam a cada dia.

“Confesso que estou estarrecida com a postura de algumas mulheres. Digo isso porque eu já sofri violência doméstica, eu já apanhei muito, levei chute, tive que cantar com mãozada na cara. E eu denunciei. Você se sente um lixo, mas é preciso de nunciar. Esse papo de que em briga de marido e mulher não se mete a colher, p**** nenhuma. No primeiro sinal que você ver e ouvir, denuncie”, desabafou Solange. Mas não é só isso…

A artista mostrou solidariedade com muitas mulheres e gravou um vídeo para aquelas que estejam passando por violência doméstica. Solange confirmou o apoio e disse que elas não estão sozinhas e que são amparadas por lei.”O amor não dói, não te oprime ou te agride. Não se acostume com maus tratos, com o que é tóxico. No primeiro sinal de medo, se afaste. Ele não vai mudar. Peça ajuda se precisar, você vai conseguir. Denuncie”.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , .

Categoria(s): Artistas.

Comente: