Itamaraju: “Enterrou a filha um dia depois de enterrar o filho”, família perde dois jovens após discussão dentro de casa

Uma casa de família que fica na zona rural de Itamaraju, no extremo sul da Bahia, foi palco de um caso difícil. Na última sexta-feira (1º), Renata de Jesus Campos, de 24 anos, teria discutido com o irmão, de 15 anos. Muito alterado, o jovem pegou uma espingarda e disparou contra a irmã, que ficou muito ferida. No meio da confusão, a mãe dos dois também acabou se ferindo ao tentar defender a filha.

Contudo, a matriarca recebeu atendimento e se safou de um risco maior, sorte que a filha Renata não teve. Após receber atendimento médico e lutar pela vida durante cerca de dois dias, a moça não resistiu aos ferimentos e morreu no último domingo. Mas não termina aí.

Além disso, a Polícia Civil afirmou que o acusado teria sumido depois de balear a irmã. Então, ainda no sábado, ele foi encontrado sem vida ao lado da arma que usou para tirar a vida de Renata. A principal hipótese é de que o rapaz tenha dado fim à própria vida após perceber o que havia causado. A espingarda foi apreendida e deve ser periciada. Até o momento não foi esclarecida o que teria motivado a discussão entre os dois. Os irmãos foram sepultados com um dia de diferença: o rapaz foi sepultado no último domingo e a irmã na manhã desta segunda-feira.

Da Redação do Acontece na Bahia

Categoria(s): Nacional.

Comente: