Irmãs gêmeas dançarinas são executadas juntas e autores registram momento; ambas já tinham filhos

Uma triste notícia tem circulado nas redes sociais e gerado revolta entre os internautas nesta quinta-feira (15). Um crime bárbaro aconteceu no município de Pacajus, região metropolitana de Fortaleza Ceará, vitimando duas irmãs gêmeas, de 18 anos, que foram mortas com tiros na cabeça.

Elas costumavam publicar vídeos dançando e sempre apareciam juntas. No momento do triste episódio, os assassinos gravaram tudo e divulgaram as imagens. Na gravação, as jovens se ajoelham e depois aparecem com as mãos atrás da cabeça. Logo na sequência os disparos são ouvidos.

De acordo com o portal SBT, as jovens foram identificadas como Amanda e Amália e suspeita-se que elas teriam envolvimentos com traficantes da região. está em andamento as investigações para se chegar aos autores deste crime.

Amália era mãe de um filho de seis meses e uma filha de três anos enquanto Amanda deixa uma filha de três anos. A Polícia Civil investiga o caso e procura identificar a autoria e motivação para este crime que causou muita revolta entre os moradores locais. Até agora um suspeito, que é menor, foi apreendido.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.

Comente: