Influenciadora devolve filho três anos depois de adotá-lo

Depois de 3 anos criando um filho que adotou, uma mulher está causando revolta por decidir devolvê-lo .Ela e seu marido estão sendo acusados de terem usado a história da adoção para construir fama e ganhar dinheiro.

A youtuber Myka e seu marido James são um casal americano que ganhou grande reconhecimento após travar uma longa batalha para a adoção de um garoto na China. O empenho dos dois em adotar a criança fez com que milhares de pessoas começassem a segui-los nas redes sociais e realizassem doações.Mas não só foi isso! Pouco tempo depois, grandes marcas souberam da história e patrocinaram a família.

Entretanto, nessa semana, já passados 3 anos do dia em que adotaram o menino, o casal anunciou que irá “devolver” a criança. O garoto tem um problema cerebral por conta de complicações na gestação e também foi diagnosticado com autismo de grau 3, apresentando diversas necessidades especiais as quais o casal afirmou não conhecer em sua totalidade. Diante disso, os dois tem alegado que, mesmo fazendo tudo que podem e dando tratamento ao garoto, eles não estão conseguindo suprir tudo o que ele precisa. Além disso, também afirmaram que a agência de adoções encontrou alguém que pode oferecer tratamento médico profissional e que quer realizar a adoção para cuidar melhor do pequeno. Segundo o casal, essa seria finalmente a “família para sempre” do garoto.

Ao saber ocorrido, a reação da internet foi muito negativa. Muitos seguidores do casal estão acusando eles de terem usado o garoto para conseguir os milhares de inscritos, visualizações e o dinheiro que receberam no período em que lutavam pela adoção, e que agora estão se desfazendo dele como se não fosse um ser humano.A história causou grande impacto na mídia e está repercutindo mundialmente.

Da Redação Do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: