Search
Close this search box.

Influencer que promoveu culto em que cantor Pedro Henrique morreu lamenta ocorrido: “Não entendemos os planos de Deus”

Com a triste notícia do falecimento do cantor gospel Pedro Henrique Silva de Jesus, de 30 anos, que passou mal durante um culto de agradecimento, a digital influencer responsável pelo evento, Lôise Abreu (Looh Abreu), compartilhou um comunicado em suas redes sociais.

Segundo a nota, as últimas palavras do cantor foram: “vai ser tão lindo, quando Deus cumprir o que te prometeu”, uma de suas canções mais significativas. A mensagem expressou pesar pelo ocorrido e enfatizou que a equipe da influenciadora estende os mais sinceros sentimentos à esposa, filha, família e amigos de Pedro Henrique.

“Foi a mão de Deus, e será sempre assim! As últimas palavras de Pedro foram: ‘vai ser tão lindo quando Deus cumprir tudo que te prometeu’. Com enorme pesar, a equipe Looh Abreu vem publicamente expressar os mais sinceros sentimentos à esposa, à filha, e a toda a família e amigos de Pedro Henrique. Não entendemos os planos de Deus e seus propósitos, mas confiamos que Sua vontade é boa, perfeita e agradável. Isso nos conforta, pois sabemos que ele agora está nos braços do Senhor.”

Além do pronunciamento oficial, a irmã de Lôise Abreu, Emily Abreu, também recorreu às redes sociais, solicitando orações pela digital influencer, que está profundamente abalada com a perda do cantor. Outros influenciadores digitais que estiveram no evento também lamentaram a tragédia e prestaram homenagens nas redes sociais, incluindo Darley Felipe, que prestou os primeiros socorros ao cantor quando ele passou mal

Até o momento, a causa do falecimento de Pedro Henrique não foi confirmada. As informações disponíveis inicialmente indicam que o incidente foi relatado como um infarto fulminante, conforme divulgado nas redes sociais. Estamos aguardando atualizações e confirmações para fornecer informações mais precisas sobre esse triste acontecimento.

Da redação do Acontece na Bahia

Crédito da Foto: Reprodução/Instagram

Crédito: Acorda Cidade