Search
Close this search box.

Homem de 42 anos morre após ser picado por abelha enquanto tomava sorvete na Bahia

Na última quarta-feira (22), um trágico incidente ocorreu em uma agência bancária da cidade de Itapetinga, no sudoeste da Bahia. A notícia da morte de um homem de 42 anos, após ser picado por uma abelha, impressionou os moradores locais. O mais surpreendente é que a vítima estava em um momento descontraído, saboreando um sorvete, quando o infortúnio aconteceu.

De acordo com informações da família, a vítima, identificada como Alex Pereira Santos, sofreu uma reação alérgica grave após ser picado pelo inseto. Ele foi levado imediatamente para o Hospital Cristo Redentor, mas chegou à unidade de saúde já sem vida. “Os médicos tentaram fazer a reanimação, mas não conseguiram.”

Alex Pereira Santos, conhecido como “Lelé”, trabalhava como caminhoneiro no distrito de Bandeira do Colônia. Ainda não há informações sobre o velório e sepultamento do caminhoneiro.

Segundo um manual feito pelo laboratório MSD, para a maioria das pessoas, uma picada de abelha causa apenas dor, inchaço e vermelhidão ao redor da picada, uma “reação local”. No entanto, uma pequena porcentagem de pessoas são alérgicas a picadas de insetos e sofrem reações muito mais graves e perigosas, chamadas “reações generalizadas”. Nesses casos, pode ocorrer anafilaxia, que pode ser fatal.

Foto: Reprodução/TV Bahia

Da redação do Acontece na Bahia