Homem acusado de passar mão em ciclista e motorista que aproximou veículo são finalmente indiciados

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta sexta-feira (8). A Polícia Civil indiciou o motorista suspeito de aproximar o veículo e o homem que passou a mão na ciclista em Palmas, região sul do Paraná. O inquérito foi concluído pela Polícia Civil nesta quinta-feira (7) e os dois envolvidos continuam presos a disposição da justiça.

O delegado responsável pelo caso, Felipe Souza, informou que os dois acusados foram indiciados por importunação sexual, que tem a pena prevista de reclusão de 1 a 5 anos, além do crime de lesão corporal qualificada que prevê pena de reclusão de 1 a 4 anos. Felipe Souza ainda explicou que o caso teve como qualificadora a razão do gênero, pelo fato de Andressa Lustosa ser mulher. Com a conclusão, o inquérito policial foi encaminhado ao Ministério Público do Paraná (MP-PR).

Imagens de câmeras de monitoramento mostraram o momento em que Andressa foi tocada e em seguida caiu. A vítima sofreu ferimentos nas pernas e costas e após as imagens terem sido divulgadas nas redes sociais os envolvidos foram identificados e presos pela polícia. O crime de importunação sexual foi tipificado no final de 2018 e inclui também divulgação de cenas de abuso ou libidinosas.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Comente: