Governador Rui Costa se une a outros 16 governadores e faz apelo a Bolsonaro: “É necessário”

Rui Costa, governador da Bahia, fez um importante comunicado. Junto a outros 16 governates, Rui participou de um ofício para que o presidente Jair Bolsonaro atendesse a um pedido. Mas afinal o que aconteceu?

Diante dos aumentos nos casos de coronavírus e da ainda vigente pandemia, os governantes pediram que Bolsonaro prorrogue o estado de calamidade pública. Atualmente, esse decreto vale até o dia 31 de dezembro deste ano. Enquanto essa modalidade de decreto está em vigor, o governo pode aumentar o gasto público, passando a meta fiscal prevista. Então, neste caso foi alegado que esses recursos serão usados para atender “àqueles que vivem em um situação de vulnerabilidade social e que necessitam de auxílios correspondentes neste momento”. No ofício, eles explicaram:

“Neste desafiador momento, em que vivenciamos o aumento do número de casos da doença, com elevação da taxa de transmissibilidade em várias regiões brasileiras, alto percentual de utilização de leitos clínicos e de terapia intensiva, e crescimento diário do número de óbitos, faz-se necessário o reconhecimento de que o país ainda se encontra em estado de calamidade pública.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Nacional.

Comente: