Gêmeos, advogado e médico morrem com apenas 6 dias de diferença após lutarem contra o coronavírus

Uma triste notícia ganhou destaque nesta segunda-feira (15). Dois irmãos gêmeos, o advogado Felipe Cuiabano e o médico dermatologista, Fábio Cuiabano, morreram vítimas do Covid-19. Os irmãos faleceram com apenas seis dias de diferença.

Fábio Cuiabano, conhecido como o “dermatologista das celebridades”, de 56 anos, estava internado em um hospital no bairro de Copacabana desde o dia 23 de dezembro do ano passado e faleceu na última segunda (08/02). Fábio se tornou querido entre as celebridades, tornando-se, inclusive, amigo da atriz Luana Piovani. Porém a dermatologia não era sua única paixão. Amante de viagens, gastronomia e esportes, ele chegou a ser escolhido para carregar a tocha olímpica em 2016.

O seu irmão gêmeo, Felipe Cuiabano, estava internado desde o dia 24 de dezembro do ano passado e nos últimos dias havia apresentado melhora no seu quadro que era considerado complicado. Porém, após outros agravamentos no quadro, mesmo com as últimas melhoras, veio a falecer ontem, 14/02 . Felipe tinha três filhos e estava de casamento marcado para este ano com a sua paixão da adolescência, Patrícia Galdeano.

A mãe dos irmãos, a senhora Clotilde Cuiabano Barbosa, de 80 anos, também foi diagnosticada com a Covid-19, mas conseguiu se curar da doença.

Nesta noite está acontecendo a missa de sétimo dia em homenagem a Fabio Cuiabano, sendo transmitida a amigos e familiares.

Da Redação do Acontece na Bahia

 

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque.

Comente: