Feira de Santana: 3 pessoas morrem em terreiro de candomblé após homem tentar trocar bandeira

Nesta terça-feira (12), um caso assustou o povo. Isso porque 3 pessoas acabaram perdendo a vida quando estavam num centro religioso. Contudo, o que aconteceu?

A história ocorreu na localidade da Candeia Grossa, que fica no distrito da Matinha, em Feira de Santana, a segunda maior cidade da Bahia. Segundo informações preliminares, Reginaldo Pinto da Silva, 32 anos, Ana Paula Silva Sousa, 47, e Iraci Ramos Santos, de 37 anos estavam num terreiro quando acabaram sendo eletrocutados. Mas não é só isso.

De acordo com informações do Acorda Cidade, um morador da localidade afirmou que no local funcionava um terreiro de candomblé. Além disso, ele relatou que Reginaldo teria subido num cajueiro para fazer a troca de uma bandeira na hora em que o acidente aconteceu. O morador relatou o que aconteceu:

“Eu estava trabalhando na casa do menino ali, ajudando ele a colocar um piso e aí me chamaram rapidamente, vim correndo. Quando cheguei vi os três caídos um em cima do outro. O homem estava em cima do cajueiro, e segundo os meninos aqui a mulher foi salvar ele na hora que o ferro agarrou no fio de alta tensão, e depois veio a outra e ficaram todos os três. Eles queriam descer o ferro para trocar uma bandeira de candomblé. Iria tirar uma velha e colocar uma nova, aí não conseguiram nem tirar a velha nem colocar a nova. Morreram todos os três.”

Além disso, o terreiro não estaria em funcionamento no momento em que tudo aconteceu. O morador acrescentou: “Acionamos a Polícia Militar, a polícia chamou o Samu e a Coelba. O Samu constatou o óbito. O terreiro não estava em funcionamento, estava parado e ele só ia trocar a bandeira.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Comente: