Escola pública do Nordeste recebe reconhecimento internacional como a melhor do mundo

Escola pública do Nordeste recebe reconhecimento internacional como a melhor do mundo

Duas instituições de ensino público no Brasil foram destacadas entre as vencedoras do Prêmio Internacional de Melhores Escolas do Mundo 2023.

A Escola de Ensino Médio em Tempo Integral (MTI) Joaquim Bastos Gonçalves, localizada em Carnaubal (CE), foi honrada na categoria “Apoiando Vidas Saudáveis”. Enquanto isso, a Escola Municipal Professor Edson Pisani, em Belo Horizonte, conquistou o Prêmio Escolha da Comunidade.

Para mais informações acesse nosso canal no WhatsApp!

O Prêmio Melhores Escolas do Mundo, lançado no ano passado, é uma iniciativa da plataforma britânica T4 Education, com apoio de três instituições: Fundação Lemann, Accenture, American Express e Yayasan Hasanah.

Esta é a primeira vez que escolas públicas brasileiras são reconhecidas como vencedoras. Além das escolas brasileiras, instituições de ensino de outros quatro países também foram premiadas: Institución Educativa Municipal Montessori (Colômbia) na categoria Ação Ambiental; Riverside School (Índia) na categoria Inovação; Max Rayne Hand in Hand Jerusalem School (Israel) na categoria Superação de Adversidades; e Spark Soweto (África do Sul) na categoria Colaboração Comunitária.

A EEMTI Joaquim Bastos Gonçalves introduziu em setembro de 2021 o projeto “Adote um Aluno” para lidar com a ansiedade dos alunos após o período de isolamento social devido à pandemia de COVID-19. O projeto identificou casos de problemas emocionais graves, incluindo automutilação, proporcionando assistência psicológica e envolvendo os pais na iniciativa. Ao longo de 18 meses, o número de atendimentos diminuiu 67%, com relatos de melhorias na autoestima e bem-estar dos beneficiados. A escola não apenas melhorou a vida dos alunos, mas também aumentou a sensibilidade da comunidade escolar para a importância da saúde mental.

A Escola Municipal Professor Edson Pisani ganhou na categoria Escolha da Comunidade por suas ações em defesa dos direitos dos alunos e pela mobilização da comunidade para melhorias na região. Localizada no Aglomerado da Serra, uma das maiores favelas de Belo Horizonte, a escola foi reconhecida pelo seu papel no programa municipal Vila Viva, contribuindo para a urbanização da comunidade e garantindo melhorias para os moradores.

O Prêmio Melhores Escolas do Mundo 2024 já está com inscrições abertas até 23 de fevereiro do próximo ano, permitindo que instituições apresentem suas candidaturas online por meio do portal da iniciativa. A EEMTI Joaquim Bastos Gonçalves, como vencedora, receberá um prêmio de US$ 50 mil.

Crédito: Reprodução