Empresário que sofreu ameaças por anunciar casamento gay morre no dia do casamento

Um caso triste e comovente está sendo o destaque desta terça-feira (20). Aos 37 anos, o empresário Saulo Rodrigues Lopes faleceu em decorrência da covid-19, no horário exato marcado para acontecer a cerimônia do seu casamento com o Rafael Ferreira Luiz, de 27 anos.

Saulo, que estava internado desde a última semana, sofreu uma parada cardiorrespiratória e faleceu. A infecção pelo vírus aconteceu no início deste mês de julho. De início, ele tratava o vírus em casa, mas com a piora foi internado. Os exames mostraram 60% de comprometimento dos pulmões. No último sábado, porém, ele precisou ser intubado e se despediu do noivo, pedindo desculpas por não conseguir casar com ele.

Saulo e Rafael ficaram conhecidos há pouco tempo depois serem vítimas de homofobia e preconceito. Ao anunciarem juntos o casamento através de um vídeo nas redes sociais, os dois foram vítimas de ofensas terríveis e ameaças de morte. O caso repercutiu bastante e eles ganharam bastante apoio do público.

Em um dos comentários homofobicos, um homem, através de um perfil falso, disse: “Vocês vão morrer. Vocês são uma vergonha para a cidade. Seus gays nojentos… Isso é falta de porrada na cara”.

Com toda a série de ódio destilado a eles, Lopes e Luiz registraram três boletins de Ocorrência, no mês de maio.
“Mas não tivemos retorno em nenhum. Inclusive levamos provas, como áudios, prints”, contou Rafael.

Mas os momentos difíceis não acabaram. Em junho deste ano, a loja do casal, voltada para produtos importados, foi assaltada, deixando um prejuízo em torno de R$ 30 mil.

Com a morte do noivo, bastante abalado, Rafael prestou uma homenagem ao amado. “Como vou viver sem você? Te perder logo hoje, que seria nosso casamento. Como tá doendo, não vou saber viver sem você. Você foi e sempre será o motivo de eu acordar todos os dias. Você tinha que partir logo hoje, meu amor? No nosso casamento? Gratidão por tudo, te amarei eternamente”, escreveu.

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Categoria(s): Destaque.

Comente: