Em homenagem, Obama relembra força do ator de Pantera Negra: “Mesmo com dor, brincava com as crianças”

O ilustre ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, fez uma homenagem ao jovem ator negro Chadwick Boseman. Chadwick, que morreu nesta madrugada, interpretou importantes nomes da cultura negra americana, além do herói Pantera Negra. Obama então exaltou o talento do jovem e a força que teve para prosseguir, mesmo sentindo dor:

“Chadwick veio para a Casa Branca para trabalhar com crianças quando estava interpretando Jackie Robinson. Você poderia dizer imediatamente que ele era abençoado. Ser jovem, talentoso e negro; usar esse poder para dar-lhes heróis para admirar; fazer tudo isso enquanto sente dor – que bom proveito fez de seus anos.”

O nome Jackie Robinson, citado por Obama, é do primeiro jogador afro-americano a jogar na maior liga de baseball do país. Chadwick interpretou Jackie no cinemas. Além dele, o jovem ator também deu vida ao lendário cantor James Brown, ícone da música negra nos EUA. Portanto, diante de tão grandiosa homenagem, é possível perceber o grande papel de cada um deles na representatividade negra, seja no mundo artístico com Chadwick, ou na política com Obama, afinal, ele foi o primeiro presidente negro eleito no país.

O que aconteceu com Chadwick?

Na noite passada, foi informado pelo assessor do ator que ele havia falecido. Entretanto, o grande público não sabia do que se tratava e foi surpreendido:

“É com tristeza incomensurável que confirmamos o falecimento de Chadwick Boseman. ⁣ Chadwick foi diagnosticado com câncer de cólon em estágio 3 em 2016 e vinha lutando contra ele nos últimos 4 anos, enquanto a doença progredia para o estágio 4. ⁣Um verdadeiro lutador, Chadwick perseverou diante disso tudo e trouxe até vocês muitos dos filmes que tanto amam.[…]Foi uma honra para sua carreira dar vida ao rei T’Challa, em Pantera Negra. Sua família agradece aos fãs pelo amor e pelas orações.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: