“Eles nunca brigavam”: Influenciadora é morta na frente da filha após marido atacá-la em casa

Uma influenciadora acabou perdendo a vida e sua história comoveu o povo nesta terça-feira (7). O caso ocorreu na casa da família e na presença da filha dela.

Aos 38 anos, Bruna Quirino, influenciadora digital, cabeleireira e empreendedora, foi morta pelo próprio marido Rodrigo Quirino, de 42 anos. Era madrugada na última segunda-feira (6) quando a filha do casal, de 20 anos, ouviu gritos e foi ao encontro da mãe. A família vivia em Valinhos, São Paulo, e tinha uma vida relativamente tranquila. Segundo o portal UOL, o comandante Aparecido afirmou que a jovem teria dito “que não entendia o que aconteceu, que eles [os pais dela] nunca brigavam.”

Após ouvir os gritos de Bruna, mãe dela, a jovem entrou no cômodo e encontrou o pai esfaqueando a mulher. Depois disso, o homem ainda teria tentado ir atrás da filha para atacá-la, mas ela fugiu para o quarto. Ainda segundo Aparecido:

“Em seguida, o pai tentou ir atrás dela, mas a jovem se escondeu no quarto. Bruna, então, tentou sair da sala para fugir, mas caiu na escadaria.”

Depois do ocorrido, Rodrigo teria usado a mesma faca para tirar a própria vida. A filha do casal ficou em choque e precisou de assistência médica. Bruna era dona de um salão de beleza e tinha milhares de seguidores nas redes sociais, onde abordava o assunto e dava dicas para outras mulheres.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Nacional.

Comente: