Eduardo Campos admite que pode não terminar mandato

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), reconheceu que pode não terminar o mandato, mesmo sem mencionar diretamente uma possível disputa pela Presidência da República em 2014. “Eu posso, em primeiro lugar, ficar, e não tem drama nenhum nisso. E posso sair. Saindo, deverei ter uma missão para justificar esta saída”, declarou o presidente nacional do PSB, em entrevista ao Jornal do Commercio, de Pernambuco. Em outras oportunidades, Campos sempre evitou responder se era pré-candidato a presidente do Brasil e desconversava quando as eleições de 2014 eram abordadas.

Fonte: Bahia Notícias

Categoria(s): Nacional.

Comente: