Eduardo Bolsonaro recebe resposta após fazer acusações contra a China: “Vai sofrer as consequências”

Nesta quarta-feira (25), as falas do deputado Eduardo Bolsonaro voltaram a repercutir. Contudo, agora ele recebeu uma resposta direta de um governo estrangeiro que disse que Eduardo pode “sofrer as consequências”. Mas afinal, o que aconteceu?

Ao falar sobre o desenvolvimento da quinta geração de internet móvel, o 5g, Eduardo Bolsonaro se posicionou a favor dos Estados Unidos em detrimento da China. Entretanto, ele fez críticas e acusações sem provas contra o governo Chinês, o que causou um grande desconforto internacional. Eduardo afirmou que a China praticaria espionagem e que isso atentaria contra a liberdade e ,portanto, o governo brasileiro apoiará a tecnologia americana nesse setor. Então, o deputado escreveu:

“O governo Jair Bolsonaro declarou apoio à aliança Clean Network, lançada pelo governo Donald Trump, criando uma aliança global para um 5G seguro, sem espionagem da China[…] Isso ocorre com repúdio a entidades classificadas como agressivas e inimigas da liberdade, a exemplo do Partido Comunista da China.”

Em resposta, a embaixada Chinesa disse que as declarações de Eduardo são como desinformações e calúnias. Além disso, eles também advertiram que isso pode piorar a relação entre os dois países e que o deputado pode sofrer as consequências:

“Isso é totalmente inaceitável para o lado chinês e manifestamos forte insatisfação e veemente repúdio a esse comportamento. A parte chinesa já fez gestão formal ao lado brasileiro pelos canais diplomáticos. Pedimos a essas personalidades a deixar de seguir a retórica da extrema-direita norte-americana, cessar as desinformações e calúnias sobre a China e a amizade sino-brasileira, e evitar ir longe demais no caminho equivocado, tendo em vista os interesses de ambos os povos e a tendência geral da parceria bilateral. Caso contrário, vão arcar com as consequências negativas e carregar a responsabilidade histórica de perturbar a normalidade da parceria China-Brasil.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Nacional.

Comente: