Durante passeio de viagem, professora de 28 anos morre após subir em costão para tirar fotos

Um caso sobre uma viagem comoveu o povo nesta quarta-feira (20). É certo que nos dias de hoje todos gostamos de registrar nossos momentos bons viajando. Contudo, essa história acabou tendo um fim triste justamente por conta disso. Mas afinal, o que aconteceu?

Aos 28 anos, a jovem professora Soliane Luiza viajou para o litoral. Ela, que era da cidade de Navegantes, em Santa Catarina, viajou até Penha, no mesmo estado. Animada com a viagem, Luiza resolveu fazer um passeio pelos pontos turísticos da cidade.

Então, ela foi até um dos locais mais comentados para tirar fotos: A Ponta do Vigia. Lá, a professora subiu no costão, onde teria uma visão panorâmica da paisagem, o que é ideal para as fotos. Entretanto, pouco depois disso, por volta das 16h, Soliane se desequilibrou e despencou da pedra. Mas não é só isso.

Depois de cair, a professora acabou arrastada por uma onda. Os bombeiros receberam o chamado para o resgate, e realizaram o salvamento a partir de um helicóptero. Após o resgate, o coração de Soliane ainda estava batendo, o que deu esperança para a equipe. Todavia, infelizmente ela faleceu pouco antes de ser encaminhada ao hospital, cerca de duas horas depois da queda. Nas redes, o Centro Educacional Paraíso Infantil Baby lamentou a partida da jovem professora:

“Sol era uma professora exemplar, dedicada, carinhosa e muito amada por todos. Por onde passava, encantava com sua alegria e iluminava com sua luz. Sol deixará um pedacinho dela aqui com cada uma de nós.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Comente: