Durante nove meses, mulher se finge de grávida e engana o marido e a família

Segundo a Polícia Civil de Parnaíba, interior do Piauí, uma mulher estaria supostamente mantendo uma grávidez falsa para manter seu relacionamento com o “pai” da criança.

De acordo com Rodrigo Luna, delegado local, ela enganou o esposo, a família dele e a sua própria família. epois que a mentira foi revelada, o marido não quis denunciar a mulher.

“Ele disse que queria simplesmente sair da cidade para, junto com ela, dar início a uma nova vida com ela, depois de tudo isso”, disse o delegado.

A mulher teria supostamente desaparecido no dia 14 de agosto e isso fez o marido procurar a polícia para encontrá-la. Os policiais fizeram buscas pelos hospitais mas não a localizaram.

No dia seguinte, sábado (15), a mulher entrou em contato com o marido dizendo que havia perdido o bebê e teria sido largada em frente ao cemitério da cidade.

“Tínhamos aí uma denúncia grave, de homicídio e ocultação de cadáver. Então a Polícia Civil continuou as diligências”, contou o delegado. Apenas no domingo (16) os policiais conseguiram descobrir a falsa gravidez.

A mulher poderia ser denunciada por estelionato e falsidade ideológica. Mas, após a situação ser descoberta, o marido, não quis entrar com nenhum tipo de processo contra ela.

Categoria(s): Nacional.

Comente: