Depois de salvar criança de 4 anos, Bombeiro chora e sai do mar emocionado: “Ele disse que estava com muito medo e me abraçou”

Poucas emoções são tão intensas quanto o sentimento de salvar uma vida. Por isso, o bombeiro Joel não segurou as lágrimas após salvar uma criança de 4 anos.

Primeiramente, tudo começou quando 3 crianças e uma jovem brincavam na praia. De acordo com o portal Globo, todos eles são da mesma família e saíram de Jundiaí até a Praia das Astúrias, no Guarujá. O grupo estava brincando na parte rasa do mar quando foram arrastados pela água num fenômeno conhecido como corrente de retorno. Como tudo aconteceu muito rápido, a família deles que estava na areia não percebeu o distanciamento.

Contudo, o bombeiro Joel Júnior Silva Lemos e seus colegas da equipe notaram que os banhistas estavam em perigo. Prontamente o grupo foi até o local para fazer o resgate. Felizmente, todos foram salvos, mas o momento em que Joel saiu do mar com o menino ficou marcado em sua memória:

“Ele era tão pequeno, magrinho, que não cabia no flutuador. Foi quando falei para ele vir comigo e ele disse que estava com muito medo e me abraçou, exatamente como meu filho fala e faz quando sente medo de algo. Naquela hora eu me lembrei do meu filho e me emocionei muito. Tive que tentar conter a descarga de adrenalina para trazê-lo à faixa de areia. A foto tirada mostra que estou com ele nos braços como se fosse meu filho mesmo, foi muito forte a emoção. Foi tirada bem na hora que eu enxugava minhas lágrimas”

Além disso, o bombeiro lembrou a que as famílias devem sempre ficar próximas das crianças nas praias, sem nunca deixá-las sozinhas, principalmente no mar, que é muito perigoso.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: