CPI da Covid : Renan Calheiros ameaça pedir prisão de Wajngarten, após chamá-lo de mentiroso

Uma notícia tem sido muito comentada pelos internautas nas redes sociais. Durante a CPI da Covid, o relator Renan Calheiros (MDB-AL) declarou que pode pedir a prisão do ex-secretário de Comunicação do governo Fabio Wajngarten. Calheiros, afirmou que Wajngarten estaria mentindo à CPI da Covid, ao informar que não sabia do surgimento de um “ministério paralelo” .

“Vossa senhoria é a prova da existência dessa consultoria [paralela] porque iniciou essa negociação, dizendo-se em nome do presidente. É a prova. Vossa excelência é a primeira pessoa que incrimina o presidente da República”, declarou Renan, acrescentando que vai requisitar os áudios à revista.

“Se ele não mentiu, a revista [Veja] vai ter que pedir desculpas. Se ele mentir, terá desprestigiado e mentido ao Congresso Nacional, o que é um péssimo exemplo. Vou requerer, na forma da legislação processual, a prisão do depoente”, declarou.

Durante a sessão, o governista Marcos Rogério (DEM-RO) se manifestou: “Isso é abuso de autoridade. Não cabe prisão que não seja em flagrante”, afirmou.

De acordo com o portal Metrópoles, o vice-presidente da CPI, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), informou que a comissão pode sugerir uma quebra de sigilo fiscal para verificar se existe algum vínculo entre a empresa privada do ex-secretário com o governo federal.

Leia também o portal do nosso editor www.romulofontoura.com.br

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional, Politica.

Comente: