Connect with us

Regional

Consultor de Trânsito faz duras críticas ao trecho da BA – 131, que liga a BR-324 à BR-407 na região de Pindobaçú

...

O Consultor de Trânsito, Wagner Melkart, fez duras críticas ao trecho da BA-131, que liga a BR 324 à BR 407, passando pelas cidades de Caém, Saúde, Pindobaçú e Antonio Gonçalves.
Além de não ter acostamento, a BA se encontra em péssimo estado de conservação, trazendo risco para quem trafega pelo local.

Veja abaixo o texto de Melkart na íntegra:

“A situação desse trecho da BA 131, vem se arrastando por muitos anos, são décadas de abandono e desrespeito, onde o cidadão tem prejuízo e algumas vezes paga com a própria vida.

O trecho em questão liga a BR 324 à 407, acesso às seguintes cidades: Caém, Caldeirão Grande, Saúde, Pindobaçu, Antônio Gonçalves, Campo Formoso e Senhor do Bonfim.

Vale destacar que o trecho compreendido entre as cidades de Senhor do Bonfim e Campo Formoso, tem um tratamento diferenciado pelo órgão responsável, existe sinalização, malha viária de melhor qualidade com sinalização horizontal, tachões luminosos e manutenção periodica. Enquanto que o trecho entre a Cidade de Antônio Gonçalves até a BR 324, não detém a mesma atenção dos órgãos responsáveis, é uma disparidade que assusta; Buracos, falta de sinalização vertical e horizontal e malha viária em péssimo estado de utilização. Deixa eu melhorar o entendimento dos leitores, transitar por lá é como se estivéssemos dirigindo sobre um tabuleiro de pirulitos, cheio de buracos.

Fica uma pergunta no ar: O que os moradores de Caém, Caldeirão Grande, Saúde, Pindobaçu e Antônio Gonçalves, fizeram ou deixaram de fazer para merecerem tamanha discriminação? Sim, o termo correto é DISCRIMINAÇÃO.
Acordem… até quando serão reféns de vós mesmos? O povo não sabe a força que tem? Nessas cidades não existem representantes que possam cobrar, buscar incansavelmente a melhoria junto aos órgãos competentes?
Nenhum dos políticos desta região sentem as dores do povo?

A resposta a todas as perguntas infelizmente parece que podemos responder com um simples e indiferente NÃO.

Uma vergonha!
Daqui a alguns meses começará aparecer os bons moços, alguns, já figuras carimbadas na política, com um rastro de desonestidade, traição e arrogância, se acham os maiorais, aparecerão com máscaras bem maquiadas, apontando o erro alheio para apagar da nossa memória a lembrança das mazelas que cometeram.
Fiquem espertos. Rogo que o povo acorde, aprenda a cobrar, aprenda a fazer sua parte, aprendam a votar”. (Wagne Melkart – consultor de trânsito).

(Fonte:Calmon Notícias)

Publicidade

Acontece Na Bahia - Copyright © 2019.