Conselheira tutelar grávida morre aos 4 meses de gestação: “Esperava seu primeiro filho”

Uma triste notícia vem sendo destaque nas redes sociais nesta terça-feira (6). Irailma Ribeiro Lima Passos,36 anos, morreu nesta terça-feira por complicações relacionadas a covid 19. Irailma que estava grávida de quatro meses e esperava o seu primeiro filho, trabalhava como conselheira tutelar em Taguatinga. 

Irailma que estava em seu primeiro mandato como conselheira tutelar, desenvolveu os primeiros sintomas da covid 19 no dia 22 de fevereiro e no dia 2 de março precisou da Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do Hospital Santa Maria, onde esteve por longos 35 dias, segundo informações de amigos próximos. 

De acordo com relatos de colegas de trabalho, a conselheira era uma pessoa simples que desempenhava muito bem sua função. Irailma era também pastora evangélica e transpirava alegria com a vinda do primeiro filho que também não resistiu. 

Está marcado para 12h desta quarta-feira (7) o velório da conselheira tutelar que será realizado na capela 3 do Cemitério de Taguatinga com o sepultamento a ser realizado às 14h30. 

O Fórum Colegiado Nacional de Conselheiros Tutelares por meio de nota lamentou o ocorrido e disse que a conselheira defendia os direitos humanos de crianças e adolescentes. “Que Deus possa confortar família e amigos nesse momento difícil”, concluiu a nota. 

Da redação do Acontece na Bahia 

 

 

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Comente: