Coité: Justiça determina municipalização do Hospital Almir Passos

O Hospital Almir Passos, em Conceição do Coité, será administrado pela prefeitura do município do Recôncavo baiano. A decisão foi tomada nesta segunda-feira (25) pelo juiz da comarca local, Gerivaldo Neiva. A unidade médica, que era gerida pela Irmandade da Santa Casa de Misericórdia, estava fechada desde outubro do ano passado. A posse foi requerida pela atual administração, que alegou prejuízos causados aos munícipes por conta do encerramento das atividades médicas. Hoje, os coiteenses contam apenas com o Hospital Regional, entidade filantrópica responsável pelo atendimento dos 60 mil moradores da cidade. Na decisão, o juiz determinou que a prefeitura levantasse os problemas encontrados na unidade e elaborasse um relatório com as necessidades prioritárias que possam garantir o retorno pleno dos serviços antes oferecidos. “Amanhã mesmo [terça, 26] vamos mandar uma equipe da secretaria fazer uma avaliação completa da unidade para entregarmos um relatório ao juiz”, informou o secretário municipal da Saúde, Alex Lopes, em entrevista ao Bahia Notícias. O Hospital Almir Passos foi construído pela prefeitura e cedido à entidade filantrópica em 1978. Há dois anos, o centro médico chegou a ser fechado por determinação da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), durante a gestão do ex-prefeito Renato Souza (PP). Logo após o pleito de outubro último, ele voltou a ser fechado novamente. “O Almir Passos sempre foi utilizado politicamente pelo grupo que perdeu as eleições. Mas conseguimos uma vitória importante na Justiça e agora é hora da gente trabalhar para ter um equipamento que preste um atendimento satisfatório à população. É isso que vamos fazer a partir desta semana”, afirmou o atual prefeito Francisco de Assis (PT).

Fonte: Bahia Notícias.

Categoria(s): Regional.

Comente: