Martha Rocha, 1ª Miss Brasil, morre no Rio de Janeiro

No último sábado, a primeira Miss Brasil, Martha Rocha, faleceu em Niterói, no Rio de Janeiro. De acordo com informações da família, ela teve insuficiência respiratória seguida de um infarto.

Natural de Salvador, na Bahia, ela foi enterrado no último domingo no cemitério Santíssimo Sacramento. Marta deixou três filhos. Ela foi eleita Miss Brasil em junho de 1954 em um concurso realizado na região de Petrópolis, no estado do Rio de Janeiro.

No Miss Universo do mesmo ano, a baiana acabou ficando em segundo lugar. Especialistas no tema afirmam que ela perdeu a disputa por conta de “duas polegadas” a mais no quadril.

Categoria(s): Regional.

Jovem grávida de 6 meses morre vítima de Covid-19

Este final de semana foi marcado por uma notícia difícil. Uma jovem grávida foi internada após testar positivo para Covid-19. Aos 6 meses de gestação, ela lutou pela vida no hospital, mas acabou não resistindo aos sintomas.

De acordo com o portal Globo, a jovem foi identificada como Jhenyfer Rodrigues, que tinha 29 anos e foi hospitalizada na cidade de São Lucas, no Mato Grosso. Ela estava grávida de 6 meses e recebeu o diagnóstico positivo para a doença.

Foi informado pelas autoridades de saúde que o risco de contaminação na cidade, que tem pouco menos de 70 mil habitantes, está classificado no grupo de “muito alto”. O município apresentou uma grande taxa de crescimento nos casos, chegando a ser três vezes maior do que a capital Cuiabá.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Regional.

Feira de Santana: Comércio será fechado a partir de terça-feira (7)

Neste domingo (5), o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, anunciou que o comércio será fechado, mais uma vez, a partir da próxima terça-feira (7). A informação foi publicada nas redes sociais.

A decisão foi tomada após Feira de Santana passar por dias difíceis em relação ao novo coronavírus e será mantida até o dia 14 de julho. Nesse caso, apenas os serviços essenciais funcionarão no município. O decreto com as medidas adotadas será divulgado no Diário Oficial do Município, na próxima segunda-feira (6).

“Diante do cenário que infelizmente estamos enfrentando em nossa cidade por conta do coronavírus, priorizando a vida e a saúde de todos, decidi restringir novamente o funcionamento das atividades comerciais em nossa cidade. A partir de terça- feira (07), só irão funcionar as atividades essenciais. Essa medida dura, tem como objetivo ampliar as taxas de isolamento social, principal medida no enfrentamento da covid-19”, esclarece o prefeito.

“A nossa terra sempre foi reconhecida pela força do comercio e da nossa gente. Quero assim, nesse momento delicado, me dirigir a todos que vivem do comércio em Feira de Santana, dizer que entendo as dificuldades enfrentadas e enfatizar a todos, que atualmente enfrentamos apenas um inimigo, o coronavírus. Vamos seguir com a força e altivez que sempre tivemos em toda nossa história”, finaliza.

Até o momento, o município baiano registrou 4276 casos confirmados para a Covid-19 e 68 óbitos. O Hospital de Campanha, responsável por atender pacientes infectados pela doença, está com 100% dos leitos de UTI ocupados e mais de 50% dos leitos de enfermaria também ocupados.

Veja o comunicado:

Categoria(s): Regional.

Duas últimas vítimas do naufrágio no Rio Paraguaçu são localizadas sem vida

Os bombeiros informaram neste domingo, dia 5, que encontraram os 2 últimos corpos das vítimas de um naufrágio no Rio Paraguaçu. A embarcação estava com quatro crianças e dois adultos a bordo, o caso gerou grande preocupação em todo o país.

O barco teria virado na última quinta-feira, com 6 pessoas nele. De acordo com informações da corporação de bombeiros, hoje foram encontrados os corpos de um homem identificado como Roque e de uma criança identificada como Cauã, de cerca de 11 anos. Eles foram localizados próximos às margens do rio.

A operação envolveu os Bombeiros, a Marinha e alguns populares, que ajudaram nas buscas.Antes disso, corpos das outras três crianças foram encontradas com o intervalo de algumas horas. Apenas um adulto, que é avô de três das vítimas e pai de uma delas, sobreviveu.

Da Redação do Acontece na Bahia

Categoria(s): Regional.

Após ser perseguido por criminosos, motociclista morre em rodovia

Por volta das 16h da última terça-feira (30), a Polícia Rodoviária Federal foi acionada para atender uma ocorrência de acidente de trânsito com vítima fatal. Ao chegarem no local, na BR 101, próximo a Itabatã, distrito do município de Mucuri, agentes constataram que se tratava de um homicídio.

A Polícia Civil e a Polícia Militar foram acionadas após o agente da PRF Sobral notar perfurações por projéteis de arma de fogo na cabeça, no peito e nas costas da vítima, identificada por David Lemos Santos, de 20 anos, morador de Eunápolis.

Enquanto transitava pelo trecho da BR-101, com destino ao estado do Espírito Santo, o motociclista foi atingido por cerca de seis disparos de arma de fogo, segundo informações. Após o crime, a vítima colidiu violentamente contra um ponto de ônibus, o que deu a entender que a morte teria sido causada por acidente.

O IML removeu o corpo do local e, após a necropsia, liberou para família fazer o sepultamento. O caso está sendo investigado pela polícia de Mucuri.

Categoria(s): Regional.

Surfista de 28 anos morre em praia de Ilhéus

Uma notícia causou grande comoção neste final de semana. Aos 28 anos, um jovem surfista morreu numa praia, na região sul do estado da Bahia.

De acordo com o portal Itapetinga Agora, Rafael Freitas era muito querido e faleceu na noite do último sábado, dia 4. Ainda segundo o portal, o surfista colidiu a sua motocicleta contra um veículo na rodovia 01, num local conhecido como Praia dos Milionários, em Ilhéus.

A equipe do Acontece na Bahia presta as suas condolências a família do jovem.

Da Redação do Acontece na Bahia | Com informações do Itapetinga Agora

Categoria(s): Regional.

Supermercados serão atingidos pelo toque de recolher em municípios baianos, anuncia Rui

Neste sábado (4), o governador da Bahia, Rui Costa (PT), anunciou em sua conta no Twitter que o toque de recolher imposto em municípios baianos também atingirá supermercados e hipermercados.

De acordo com Rui, os serviços essenciais, nas cidades de Camaçari, Madre De Deus, São Francisco do Conde, São Sebastião Do Passé, Simões Filho, Dias D’Ávila, Itaparica, Lauro De Freitas e Candeias, poderão funcionar até às 17h.

“Fizemos uma conversa longa com prefeitos e prefeitas da Região Metropolitana aqui de Salvador, exceto Salvador, e decidimos uma semana de restrição mais forte para a gente tentar derrubar a taxa nesses municípios. Então, a partir de amanhã o comércio nessas cidades só funcionará até… Comércio mesmo essenciais e só funcionará os essenciais, e os essenciais incluindo supermercados e hipermercados, só funcionarão até às 17h. A partir das 18h terá o toque de recolher nessas cidades”, disse o governador.

Sendo assim, os serviços essenciais estarão liberados para funcionar das 5h às 17h. As restrições valem até o dia 12 de julho.

Veja o comunicado:

Categoria(s): Regional.

Covid-19: UFBA diz que não vai permitir tratamento no mesmo espaço que atende gestantes e bebês

Segundo nota divulgada pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), ela foi pega de surpresa pelas declarações do prefeito de Salvador, ACM Neto, que tenta, a qualquer custo, instalar, no Hospital Salvador, leitos para tratamento da Covid-19.

O prefeito quer instalar até nos espaço onde está funcionando, temporariamente, a UTI Neonatal da Maternidade Climério de Oliveira (MCO).

Confira a nota:

“Não se justifica esta agressão à Universidade, que, desde o começo da pandemia, tem atuado firmemente na defesa da vida e da saúde da população, ombreando com a sociedade baiana e suas lideranças na luta contra a pandemia. Sempre aberta ao diálogo, a Universidade realizou reuniões com a Prefeitura para tentar chegar a uma saída razoável, que dispensasse a judicialização do problema, mas não houve acordo. Inaceitável e lamentável, portanto, é pretender tratar pacientes vítimas de Covid-19 no mesmo espaço que abriga gestantes, mães e bebês recém-nascidos, que ficariam perigosamente expostos à contaminação pelo coronavírus”, diz.

“Ocorre que o Hospital Salvador, a pedido da prefeitura de Salvador, disponibilizou dois andares à instalação de enfermarias e leitos de UTI voltados para o atendimento a pacientes acometidos de infecção pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2). A medida é de todo imprópria e perigosa para a saúde de gestantes, puérperas, recém-nascidos da MCO e corpo técnico da maternidade, já que, de acordo com pareceres técnicos solicitados pela MCO e pela Ebserh, o hospital não oferece nenhuma condição de isolamento entre as alas, obrigando o compartilhamento de espaços comuns nas instalações da unidade. Mais grave ainda: as próprias UTIs – Neonatal e de Covid – ficariam no mesmo andar, separadas apenas por uma precária divisória removível, contrariando todas as normas que regem instalações hospitalares”, afirma a universidade.

“Foi considerando tais fatos, constatados inclusive em parecer favorável emitido pelo Ministério Público Federal, favorável à UFBA, que, na quarta-feira, 1º de julho, o Tribunal Regional Federal da 1ª região determinou a suspensão da instalação dos leitos Covid-19 no Hospital Salvador. A decisão foi tomada após recurso – agravo de instrumento – interposto pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). A UFBA reafirma assim seu compromisso com a saúde pública, pois entende que não se trocam vidas por vidas e jamais fará política com a pandemia”, finaliza a UFBA.

A MCO está utilizando 52 leitos no Hospital Salvador, sendo que 11 são para cuidados neonatais e seis para mães gestantes. A média mensal de procedimentos obstétricos é de 149, além de cerca de 100 partos, e a rotatividade de pacientes é intensa, já que cada internação dura, em média, de 2 a 3 dias.

Categoria(s): Regional.

Especialistas classificam como “críticos” o isolamento e estado de pandemia na Bahia

O estado da pandemia da Bahia foi classificado como “situação crítica”, conforme métricas utilizadas pelo Comitê Científico do Consórcio Nordeste. Dados da semana de 22 a 26 de junho foram levados em consideração para a pesquisa.

De acordo com o site Bahia Notícias, os especialistas analisam dados para elaborar uma Matriz de Risco do C4. Sendo considerados três parâmetros: C1 = tensão do sistema hospitalar; C2 = estado da pandemia; e C3 = nível de isolamento social.

Além disso, a Matriz de Risco do C4 utiliza um código de cores para avaliar a situação de cada parâmetro. As cores são: Verde = relaxamento possível; Amarelo = estado de alerta; Vermelho = situação crítica. Na crítica, medidas mais severas devem ser adotadas, como o lockdown.

No C1, que representa a tensão no estado hospitalar, a Bahia, além do Piauí e da Paraíba, foram classificados na faixa amarela. Outros estados foram considerados críticos.

No C2, que representa o estado da pandemia, apenas o Maranhão foi classificado na faixa amarela. Outros estados foram considerados críticos.

No C3, que representa o nível de isolamento social, todos os estados nordestinos foram classificados na faixa vermelha. Segundo o comitê, a situação crítica se dá “devido à queda vertiginosa dos níveis de isolamento social”.

Categoria(s): Regional, Social.

40 mil doses: Jair Bolsonaro envia cloroquina para Porto Seguro

Na última quinta-feira (2), o presidente Jair Bolsonaro disse em live que a pedido de médica enviará 40 mil doses de cloroquina para a cidade. A médica Raissa Soares ganhou notoriedade nas redes sociais após defender uso da cloroquina para tratamento da covid-19. O uso do medicamento não tem eficácia comprovada. 

“Eu nunca recebi tantos vídeos no meu telefone. Raíssa Soares fazendo um apelo para mim para que chagasse a hidroquicloroquina  na sua cidade. Sabemos por testemunho que o tratamento na fase inicial tem tido sucesso. Hoje já partiu de São Paulo um avião para Salvador e está previsto chegar amanhã 40 mil doses de hidrocloroquina”, disse Bolsonaro. 

Raissa anunciou nesta quinta que não trabalha mais no Hospital Regional Deputado Luís Eduardo Magalhães (HRDLEM). O motivo teria sido que ela não está conseguindo fazer plantões no local por causa de outros compromissos.

Categoria(s): Regional.